Comité Olímpico austríaco retira candidatura aos Jogos de Inverno de 2026

Por falta de apoio político

O Comité Olímpico da Áustria retirou esta sexta-feira a sua candidatura conjunta das cidades de Graz e Schladming à organização dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2026, por falta de apoio político.

Em comunicado no seu site oficial, o organismo informa que solicitou ao Comité Olímpico Internacional (COI) o "fim das conversações sobre a candidatura, para não causar maiores custos".

"O comité percebeu que até hoje não houve uma posição clara [acerca da candidatura] ou o correspondente apoio por parte do Governo Regional da Estíria" (Estado federal das duas cidades), lê-se no comunicado.

O organismo austríaco recordou ainda que deixou claro desde o início que o apoio político era imprescindível para o avanço da candidatura apresentada em março e lamentou a falta do mesmo, principalmente depois de o estudo de viabilidade apresentado mostrar que o evento iria trazer benefícios para a região.

"Com estas condições [sem apoio político] não é possível defender internacionalmente um projeto desta dimensão", acrescenta o comité.

Com a retirada da candidatura conjunta das duas cidades austríacas e a de Sion (Suíça) em junho, os interessados em acolher a competição ficam reduzidos a cinco, com Calgary (Canadá), Cortina d'Ampesso, Milão e Turim (Itália), Sapporo (Japão), Estocolmo (Suécia) e Erzurum (Turquia) na lista de candidatos.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Jogos Olímpicos

A remada perfeita

Novato Afonso Costa e experiente Pedro Fraga apuram-se para Tóquio no double-scull ligeiro

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.