José Manuel Constantino critica Marcelo Rebelo de Sousa: «Lamento tratamento diferente»

Em causa a condecoração da Seleção de futsal, ao contrário dos medalhados olímpicos

No dia 9 de agosto, Marcelo Rebelo de Sousa deixou a seguinte promessa a propósito dos melhores Jogos Olímpicos de sempre para Portugal: “Tenciono receber os nossos atletas e os medalhados que ainda não foram condecorados, e condecorá-los. Há casos em que já foram, mas não à altura da condecoração merecida”.

Dois meses depois, o Presidente da República ainda não cumpriu a promessa, mas ontem recebeu e condecorou em Belém a Seleção de futsal, apenas horas depois de ter chegado a Portugal.

“Mais uma vez...é o que me oferece dizer”, começou por desabafar o presidente do Comité Olímpico de Portugal (COP), que não poupa nas criticas ao Chefe de Estado.

“O senhor Presidente da República trata de forma diferente o que é equivalente”, frisou José Manuel Constantino, recordando que Portugal “tem campeões olímpicos e campeões mundiais e até à data não foram condecorados e depois vemos a equipa de futsal ser distinguida e recebida logo no dia em que chegou”.

O presidente do COP remata: “Só posso lamentar tratamento diferente”.

Recorde-se que em Tóquio’2020 Portugal conquistou quatro medalhas: pelos triplistas Pedro Pichardo (ouro) e Patrícia Mamona (prata), e pelo judoca Jorge Fonseca e o canoísta Fernando Pimenta, ambos com bronze. * A.P.M.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Jogos Olímpicos

Festa de galardões

Norberto Mourão e Miguel Monteiro foram condecorados na 3.ª gala do Comité Paralímpico

Notícias

Notícias Mais Vistas