Norte-americanos criticam Comité Olímpico

COI entregou às federações a decisão de aceitar ou excluir atletas russos

• Foto: DR Record

A Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA) lamentou este domingo que o Comité Olímpico Internacional (COI) tenha "recusado assumir um papel de liderança" ao recusar assumir a responsabilidade da exclusão coletiva da Rússia dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016.

"Lamentavelmente, em resposta ao momento mais importante para os atletas limpos e para a própria integridade dos Jogos Olímpicos, o COI recusou desempenhar um papel fundamental de liderança", disse o diretor-executivo da USADA, Travis Tygart.

Em causa está a decisão tomada pelo comité executivo do COI, em Lausana, na Suíça, que entrega às federações das várias modalidades a decisão de aceitar ou excluir atletas russos nas competições dos Jogos Olímpicos Rio'2016.

O COI estabeleceu uma série de pressupostos que os atletas devem cumprir para poderem ser elegíveis pelas federações de modalidade, dos quais se destaca a necessidade de não terem tido qualquer resultado positivo por 'doping' ao longo da carreira.

"Os atletas das 28 modalidades olímpicas devem assumir as consequências da responsabilidade coletiva e a presunção de inocência não pode ser aplicada", refere o COI, em comunicado.

Segundo o documento, "a justiça individual deve ser aplicada e cada atleta deve provar que a responsabilidade coletiva não se aplica no seu caso"

Os atletas russos que forem admitidos pelas federações e posteriormente aceites pelo COI devem submeter-se a um rigoroso controlo antidoping realizado pela Agência Mundial Antidopagem, e supervisionado pelas federações internacionais.

Os atletas têm também, segundo o COI, de ter efetuado recentemente testes sob a égide de organismos internacionais devidamente acreditados.

Na base da decisão do COI está a análise de um relatório divulgado na passada segunda-feira pela AMA, segundo o qual o Governo russo dirigiu um programa de dopagem no desporto com apoio estatal, com participação ativa do ministro do Desporto e dos serviços secretos.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Jogos Olímpicos

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.