Sara Moreira: «Não é uma semana que fará mudar objetivo»

Esclarece lesão, garante estar a treinar-se bem e que meta do top 8 é para manter

• Foto: João Relvas/Lusa

A cerca de 24 horas da maratona olímpica, Sara Moreira apressou-se a descansar os portugueses, garantindo estar em forma para enfrentar a prova depois de sofrer uma lesão na coxa ainda em Portugal.

"Existiu uma lesão física, uma pequena inflamação na zona do osso, que me impediu de treinar normalmente durante uma semana. Neste momento as coisas estão a fazer o percurso que tinham de fazer. Tenho cumprido um plano de tratamento, que está a correr bem", frisou a atleta do Sporting à porta da Aldeia Olímpica, onde esclareceu ainda que está "a treinar-se sem limitações" desde que chegou ao Rio de Janeiro.

Por essa razão, Sara mantém os objetivos traçados ainda em Portugal. "Defini desde sempre que o meu objetivo é um lugar entre as 8 primeiras e é com esse objetivo que vou partir no domingo [amanhã]", garantiu Sara. "Não é uma semana – em 10 de preparação – que tive sem correr que fará mudar as metas que estavam inicialmente traçadas. Até porque fiz outro tipo de trabalho nessa semana. O ponto de situação é que me sinto bem, confiante, preparada física e psicologicamente", sublinhou a fundista, não querendo deixar qualquer dúvida sobre o seu estado de forma, ela que foi 14ª nos 10.000m em Londres’2012.

A rezar para que o calor volte

Os dias têm estado frios e chuvosos no Rio, mas tudo indica que amanhã haja calor para a maratona feminina, que termina na icónica Avenida Marquês de Sapucaí, onde está o Sambódromo do Rio. Algo que agrada a Sara Moreira.

"Acho que vai estar muito calor e preparei-me para isso, até porque tem estado muito quente em Portugal. Quanto à humidade, até tem estado abaixo daquilo que tínhamos previsto. Acredito que o calor fará toda a diferença. E eu normalmente sinto-me bem no calor. De qualquer maneira nunca fiz uma maratona nesta altura do ano e posso até sentir algumas dificuldades. Mas só no domingo [amanhã] vou perceber se vai influenciar", diz Sara, que esteve no Rio em maio a reconhecer o percurso.

Por Lídia Paralta Gomes. Rio de Janeiro. Brasil
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Atletismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.