Record

Estados Unidos sofrem para vencer Sérvia 94-91

Favoritos voltaram a suar... muito

A equipa de basquetebol dos Estados Unidos respirou hoje de alívio quando, no último segundo, o lançamento de três pontos do sérvio Bogdan Bodganovic bateu no aro e saiu, impossibilitando assim o prolongamento (94-91).

Depois de a Austrália ter feito suar os 'todo-poderosos' norte-americanos, vacilando apenas nos últimos minutos, hoje a Sérvia foi mais longe e apenas falhou no decisivo lance de três pontos, quando, até aí, a sua eficácia no tiro exterior era de 42 por cento contra 35.

Os Estados Unidos 'passearam' superioridade no primeiro parcial (27-15) e chegaram ao intervalo a vencer por nove (50-41), vantagem que solidificaram à entrada para o quarto decisivo, com 72-62.

Foi no período decisivo que os pupilos de Sasha Djordjevic mostraram o seu valor (29-22) e chegaram ao ponto de poderem forçar o prolongamento.

Antes, a Austrália não teve problemas para vencer a China por confortável 93-68: o grupo A encerra a partir das 02:30, horas de Lisboa, com o França-Venezuela.

Os Estados Unidos lideram com o pleno de oito pontos, seguidos da Austrália com sete, França e Sérvia com cinco, Venezuela e China com quatro.

No domingo, disputa-se a derradeira jornada com o Estados Unidos-França, Austrália-Venezuela e Sérvia-China.
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Basquetebol

Notícias

Notícias Mais Vistas

M