Brasil vai criar tribunal antidoping nos próximos 10 dias

Ministro do Desporto anuncia medida

• Foto: Getty Images

O Brasil vai criar um tribunal antidoping nos próximos 10 dias, dentro do prazo limite que impôs a Agência Mundial Antidopagem (AMA), especificamente para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, informou esta terça-feira o Governo.

O ministro do Desporto, George Hilton, afirmou, em conferência de imprensa, que a administração central aprovará, "nos próximos dias", uma normativa para cumprir as exigências da AMA.

Na passada semana, o diretor-geral da agência, David Howman, exigiu, por carta enviada ao governo brasileiro, a criação deste tribunal especializado e marcou o dia 18 de março como data para concluir o processo.

Hilton disse que não será necessário solicitar à AMA uma prorrogação do prazo, durante o encontro com a imprensa, que se sucedeu a uma reunião com o presidente da Câmara do Rio de Janeiro.

A reunião entre os responsáveis brasileiros centrou-se nos derradeiros preparativos para o evento desportivo, que se realizará em agosto.

O ministro reiterou que, apesar dos cortes financeiros que o Governo encetou, devido à recessão que o país atravessa, "as obras olímpicas não ficaram comprometidas".

Segundo Hilton, o Rio de Janeiro conseguiu um "feito importante" por estar a "fazer mais com menos" recursos graças ao investimento privado na realização dos Jogos Olímpicos.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Rio'2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.