Record

Venham as desejadas medalhas

Equipas de judo, de ténis de mesa e tiro partiram para o Rio de Janeiro

• Foto: Fernando Ferreira
Para além de João Costa (tiro) e do chefe de Missão José Garcia, as equipas de judo e de ténis de mesa, com os cotados Telma Monteiro e Marcos Freitas a encabeçarem as esperanças de Portugal, partiram ontem do Aeroporto de Lisboa para o Rio’2016, com altas expectativas na bagagem quanto à conquista de medalhas nos Jogos Olímpicos.

José Manuel Constantino, presidente do Comité Olímpico de Portugal (COP), também viajou na mesma comitiva, com um espírito positivo: "Espero que tudo corra bem e que o esforço feito ao longo destes quatro anos tenha a justa tradução do trabalho desenvolvido, mas vamos ter de aguardar para saber se vamos ser recompensados. Há cinco ou seis modalidades onde se podem conquistar medalhas, na canoagem, no atletismo, no futebol, no taekwondo e no judo. Provavelmente, estou a esquecer-me de mais algumas. Há resultados alcançados e espero que este seja um momento inspirador do desporto em Portugal."

Constantino desvalorizou as notícias alarmistas que têm denunciado problemas da organização brasileira: "Não há nenhuma questão de maior com a delegação portuguesa. Os problemas que haviam foram resolvidos pelas pessoas que viajaram antes. As últimas informações são tranquilizadoras e satisfatórias. Vamos aguardar pela chegada de toda a delegação portuguesa para ver se tudo isto se confirma."

Já José Garcia, chefe de Missão, também se manifestou otimista: "Dentro de tudo o que ouvimos, somos uns sortudos. Esperamos que nada afete o rendimento dos nossos atletas, a quem se pede superação. Quem não quer medalhas? É o objetivo de qualquer atleta olímpico. Mas mesmo que não se consigam, será uma experiência para que seja mais fácil para a próxima."

Moniz Pereira elogiado

Ninguém ligado ao desporto português ficou indiferente ao falecimento de Moniz Pereira. José Garcia manifestou sentimentos de pesar: "Quero dar as minhas sinceras condolências à família e ao Sporting. Foi um treinador que criou sonhos e os tornou uma realidade, com a sagração de Carlos Lopes como campeão olímpico."
Por Alexandre Reis
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Rio'2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

M