Gonçalo Paciência: «Sentimos que os brasileiros gostam de Portugal»

Apoio recebido no Rio de Janeiro deixa avançado feliz

• Foto: Paulo Calado 

Autor de um golo diante das Honduras, o avançado Gonçalo Paciência admitiu que a Seleção Nacional entrou mal este domingo, mas destacou o facto de ter conseguido dar a volta ao texto.

"Entrámos mal, foi uma má entrada nossa, mas felizmente conseguimos correr atrás do prejuízo e conseguimos dar a volta ainda na primeira parte. Foi um jogo positivo da nossa, com alguns erros. Também defrontamos uma boa equipa, as Honduras, muito agressiva, muito rápida, mas conseguimos o nosso objectivo e isso é claramente o mais importante", começou por dizer, à SportTV +.

"As outras equipas também têm qualidade e, quando se facilita um bocadinho, normalmente somos prejudicados. Foi o que aconteceu, mas levantámos rapidamente a cabeça e soubemos dar a volta a isso", explicou.

"Agora queremos ganhar à Argélia e, depois, o adversário que vier, vamos pensar em ganhar também. Mas não apontamos às medalhas, não apontamos a nada, é fazer o nosso trabalho, tentar sempre ganhar, mas é continuar. Temos mais um jogo pela frente, com a Argélia e é para ganhar. Portugal nunca joga para perder", frisou o avançado, que destacou como "importante" o apoio recebido no Brasil: "Nós sentimos que os brasileiros gostam de Portugal e gostam da seleção".

Por João Lopes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.