Record

Shao Jieni: «Estava mais nervosa, mas é normal»

Promete voltar melhor em Tóquio'2020

A jogador portuguesa Shao Jieni assumiu sábado o nervosismo na derrota por 4-0 e respetiva eliminação do torneio de singulares femininos de ténis de mesa dos Jogos Olímpicos Rio2016, face à norte-americana Lily Zhang.

"Estava mais nervosa, mas é normal, isto são os Jogos Olímpicos e era a minha primeira vez. É tudo diferente", disse jovem jogadora à Agência Lusa, visivelmente triste e indicando a imensidão de tudo à sua volta, na zona mista.

Apesar das dificuldades em expressar-se, mais pela dor da derrota do que pelo português, Shao Jieni fez um esforço e conseguiu explicar-se, lembrando também que a sua adversária teve a vantagem de ter jogado pela manhã.

"Ela jogou pela manhã -- venceu a venezuelana Gremlis Arvelo também por 4-0, na primeira ronda - e estava mais habituada", lamentou, reforçando: "São os meus primeiros Jogos, estava nervosa".

Mais do que a derrota e a eliminação, com os parciais de 11-4, 11-9, 11-9 e 11-6, em apenas 26 minutos, Jieni estava inconformada pelos números: "Normalmente, é impossível eu perder por 4-0", disse, triste, com as lágrimas nos olhos.

Detalhando o jogo, a jovem jogadora lusa, de 22 anos, reconheceu que não entrou "muito rápida" (esteve a perder por 4-0 e 7-2) e que acusou muito o desaire no segundo 'set', depois de ter estado a dois pontos de o vencer (9-5).

"Depois de perder o segundo 'set', era difícil", reconheceu à Lusa a jogadora da Ala de Nun'Alvares de Gondomar.

No meio de tantas emoções, de tanta tristeza pelo adeus aos Jogos Olímpicos, logo ao primeiro 'combate', Shao Jieni ainda conseguiu deixar uma promessa.

"Da próxima vez, será melhor", garantiu, convicta que voltará a ter a oportunidade de atuar nuns Jogos Olímpicos e aparecerá mais forte, mais experiente.
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ténis de Mesa

Notícias

Notícias Mais Vistas

M