Dia 9 de Tóquio'2020 em direto: acompanhe tudo o que se passa em Tóquio'2020

Foi uma jornada de glória para as cores nacionais

Ao Minuto

01.08.2021
Voltamos mais logo e contamos consigo!
Reuters

O 9.º dia dos Jogos Olímpicos foi de glória para as cores portuguesas, com Patrícia Mamona a conquistar a prata no triplo, com um salto em que passou os 15 metros e bateu o recorde nacional. É a segunda subida portuguesa ao pódio, depois do bronze de Jorge Fonseca no judo...

Se a jornada foi de alegria para Mamona, para Auriel Dongmo foi de profunda tristeza. Não que a lançadora portuguesa tivesse estado mal, o problema é que falhou o pódio no peso por uns escassos 5 centímetros.

Nas modalidades coletivas, o dia também não foi para sorrisos. O andebol despediu-se dos Jogos depois de uma derrota com o Japão, o mesmo acontecendo ao ténis de mesa, diante da Alemanha.

Consulte aqui todos os resultados dos portugueses.

Ao nível internacional, destaque para o recorde do mundo da venezuelana Yulimar Rojas, no triplo, bem como para o triunfo do italiano Marcell Lamont Jacobs nos 100 metros, onde voltou a bater o recorde europeu da distância.

Veja como está o medalheiro. Se quiser saber mais sobre esta edição dos Jogos Olímpicos, não deixe de consultar o nosso especial.

01.08.2021
Varandas congratula-se com medalhas de Mamona e Jorge Fonseca

01.08.2021
Badminton: You Fei Chen garante o ouro

A chinesa You Fei Chen derrotou Tzu-Ying Tai, de Taipé (2-1), e conquistou a medalha de ouro no torneio individual feminino de badminton.

Na luta pelo bronze, a indiana V. Sindhu Pusarla ganhou à chinesa Jiao Bing He, por 2-0.

01.08.2021
Halterofilismo: Patrícia Barrera impõe-se na categoria de 76 kg

Equatoriana Patrícia Barrera levantou um total de 263 kg e venceu a medalha de ouro na categoria de 76 kg. A norte-americana Elizabeth Katherine (249 kg) conquistou a prata e a mexicana Aremi Fuentes (245 kg) o bronze.

01.08.2021
Ginástica artística: Nina Derwael conquista o ouro nas paralelas assimétricas
Reuters

A belga Nina Derwael ganhou a medalha de ouro na prova de paralelas assimétricas, em ginástica artística. A russa Anastasiia Iliankovba e a norte-americana Sunisa Lee completaram o pódio.

01.08.2021
Ouro partilhado no salto em altura
Reuters

O qatari Mutaz Essa Barshim e o italiano Gianmarco Tamberi partilharam a medalha de ouro na prova de salto em altura masculino. Os dois saltaram 2,37 metros, mas nenhum conseguiu superar os 2,39. Maksim Nedasekau da Bielorrússia, ficou com o bronze.

01.08.2021
Ténis: Pavlyuchenkova e Rublev vencem final de pares mistos
Reuters

Numa final 100 por cento russa, Anastasia Pavlyuchenkova e Andrey Rublev derrotaram Elena Vesnina e Aslan Karatsev na decisão do torneio de pares mistos, com os parciais de 6-3 e 7-6 (5).

01.08.2021
Equipa portuguesa lamenta derrota com Alemanha: «Tirar ilações e ganhar experiência»

A equipa portuguesa de ténis de mesa lamentou este domingo a derrota por 3-0 com a Alemanha, nos oitavos de final do torneio por equipas de Tóquio2020, num "jogo difícil como previsto" ante a segunda favorita ao ouro. Tiago Apolónia e João Monteiro perderam a primeira partida, contra Patrick Franziska e Timo Boll, por 3-0 (17-15, 11-4 e 11-9), antes de Marcos Freitas cair ante Dimitrij Ovtcharov por idêntico resultado (11-9, 11-7 e 11-6) e Apolónia ceder perante Boll também sem ganhar um 'set' (11-3, 11-9 e 11-8).

Leia as reações.

01.08.2021
Patrícia Mamona: «Obrigado a Portugal. Somos pequenos, mas somos grandes!»

Declarações da nova vicecampeã olímpica à RTP

"Estou a tentar acalmar-me, está a acontecer tudo aqui dentro... Parece super surreal! As primeiras pessoas que me surgem na cabeça são o meu treinador, a minha família, este grande país.

Como sabem estava muito confiante na qualificação, foi muito tranquila e sabia que era um momento muito especial. São cinco anos a trabalhar, aliás 20 de triplo salto. Estou orgulhosa de todos nós, da reação do público. Ainda agora disseram que somos um país que consegue coisas grandes. O apoio foi fenomenal. Estou muito emocionada.

Foi uma competição em que só pensei em deixar tudo. Como viram foi batido o recorde do Mundo, tentei levar essa energia. Sabia que ia ser duro e só pensEI em dar o meu melhor e saltar. Não quero chorar mais! Só quero agradecer a toda a gente. Fazer parte da equipa dos 15 metros... isto é estúpido... mas quando comecei diziam que era muito pequena e sou a segunda melhor do Mundo! Isto é...

Nem sei! Bati o recorde nacional três vezes!

Sabia que tinha de responder, as competidoras são fenomenais. Estava sempre em modo para responder, o foco era sempre saltar mais. Só pensava em deixar o que tinha, não pensava em marcas. Posso ir descansada para casa se for assim. Importante é dar tudo de ti. Aproveitei muito e sou muito feliz

Momento de viragem do desporto nacional?

Não posso dizer de todo, mas do triplo salto. Temos uma grande inspiração, que é o Nelson que vai acabar a sua carreira aqui. Foi uma inspiração, espero dar continuidade a isso. Sinto-me no topo de forma. Faltam três anos para Paris, mas não quero pensar nisso.

Deixar mensagem a todos de agradecimento, que seja uma inspiração, com trabalho, não só talento, se acreditares que consegues, vai! Não desistas dos teus sonhos. Vai!

Neste momento só quero ver o meu treinador. A pessoa que devia estar no pódio comigo, que me viu a correr na escola e viu algo especial. Que me trouxe e me fez o que sou hoje. Falar com a minha família. Deixar agradecimento a Portugal. Somos pequenos, mas somos grandes!"

01.08.2021
Jacobs vence os 100 metros
Reuters

O italiano Marcell Lamont Jacobs ganhou a final dos 100 metros, em 9.80 segundos e voltou a quebrar o recorde da Europa da distância. Já tinha 'destronado' Francis Obikwelu esta manhã...

A medalha de prata foi para o norte-americano Fred Kerley (9.84) e o bronze  para o canadiano Andre de Grasse (9.89),

O britânico Zharnel Hughes não chegou a correr, devido a uma falsa partida, enquanto o nigeriano Enoch Adegoke sofreu uma lesão nos últimos metros. 

01.08.2021
Yulimar Rojas bate recorde mundial no triplo feminino
Reuters

A fechar um grande concurso do triplo salto feminino, a venezuelana Yulimar Rojas bateu o recorde do Mundo, com um voo de 15,67 metros. Verdadeiramente impressionante. Saiba mais aqui.

01.08.2021
Patrícia Mamona voa no triplo e garante a medalha de prata!
r

Aí está a segunda medalha portuguesa nesta edição dos Jogos Olímpicos! Patrícia Mamona garantiu a medalha de prata no triplo, com um salto de mais de 15 metros (15,01 metros), novo recorde de Portugal. Veja aqui como tudo aconteceu! 

01.08.2021
Ténis de mesa: Portugal cede diante da Alemanha
Reuters

Foi muito inglório o encontro de Portugal com a Alemanha, nos oitavos-de-final dos Jogos Olímpicos, pois os portugueses não conseguiram ganhar um único set aos mesatenistas germânicos. Veja aqui como tudo aconteceu.

01.08.2021
Esgrima: França vence florete por equipas masculino
Reuters

A França é a nova campeã olímpica de florete por equipas masculinas. Os gauleses bateram os russos por 45-28 na final, ao passo que na luta pelo bronze os Estados Unidos bateram o Japão por 45-31.

01.08.2021
Basquetebol: definidos dos jogos dos 'quartos'
01.08.2021
Atletismo: 'meias' dos 100m barreiras com novo recorde olímpico
Reuters

A porto-riquenha Jasmine Camacho-Quinn é a nova recordista olímpica dos 100m barreiras, graças aos 12,26 segundos conseguidos há pouco.

Além de Camacho-Quinn, apuram-se ainda para a final:

Megan Tapper (JAM)
Nadine Visser (HOL)
Gabriele Cunningham (EUA)
Britany Anderson (JAM)
Kendra Harrison (EUA)
Tobi Amusan (NIG)
Devynne Charlton (BAH)

01.08.2021
Portugueses em ação

Neste momento está em ação a equipa masculina de ténis de mesa diante da Alemanha (pode seguir o jogo aqui) e Patrícia Mamona arranca dentro de momentos a final do triplo salto (siga aqui).

01.08.2021
Atletismo: caiu o recorde da Europa dos 100 metros!
Reuters

Lamont Marcell Jacobs acaba de bater o recorde europeu dos 100 metros, ao correr a distância em 9,84 segundos. O italiano consegue apagar o anterior máximo do continente, que estava na posse de Francis Obikwelu desde 2004, com os 9,86 conseguidos em Atenas, e de Jimmy Vicaut, desde 2015.

Uma marca que, naturalmente, permite a Marcell Jacobs apurar-se para a final, onde uma das surpresas é o chinês Bingtian Su, que com 9,83 avança com a melhor marca de todos e consegue, igualmente, um novo recorde asiático. E a outra surpresa é Trayvon Bromell. Grande candidato ao ouro, o norte-americano falha o apuramento para a final, ao correr em 10,00.

01.08.2021
Basquetebol: Eslovénia continua imparável
Reuters

Com Luka Doncic a assinar uma exibição 'all around', com 12 pontos, 14 ressaltos e 9 assistências, a Eslovénia bateu a Espanha por 95-87 e finalizou a fase de grupos com três vitórias em três jogos. Os eslovenos definiram o triunfo no último quarto, com 27-17 nesse espaço.

01.08.2021
Ginástica Artística: Max Whitlock revalida título olímpico
Reuters

O britânico Max Whitlock revalidou o título olímpico no cavalo com arções masculino. Kai Chih Lee, de Taipé, ficou com a prata e o japonês Kazuma Kaya com o bronze.

01.08.2021
Portugal estreia-se no ténis de mesa por equipas
DR

A Seleção Nacional de ténis de mesa defronta a Alemanha nos oitavos de final da prova por equipas dentro de momentos. Acompanhe aqui o direto. 

01.08.2021
Teresa Portela quer ir à final de K1 200 e melhorar Londres'2012
Instagram

A canoísta Teresa Portela apontou este domingo a presença na final olímpica de K1 200 como o seu "grande objetivo" para Tóquio'2020, facto que lhe daria um diploma. Leia as declarações da portuguesa aqui.

01.08.2021
Zverev alcança primeiro ouro em ténis masculino para a Alemanha
Reuters

Alexander Zverev tornou-se hoje no primeiro alemão a ganhar o ouro olímpico em ténis. Apenas Steffi Graf, em femininos, o havia conseguido, em 1998.

O tenista germânico, número 5 do Mundo, era favorito no encontro diante do russo Karen Khachnov (25.º ATP) e acabou por triunfar com os parciais de 6-3 e 6-1, em apenas 79 minutos.

01.08.2021
Ginástica Artística: Rebeca Andrade arrasa concorrência nos saltos
Reuters

A brasileira Rebeca Andrade dominou o concurso de saltos feminino e arrecadou o ouro em Tóquio. A norte-americana Mykayla Skinner foi a segunda classificada e a sul-coreana Seojeong Yeo fechou o pódio.

01.08.2021
Ginástica Artística: Israelita domina no solo
Reuters

O israelita Artem Dolgopyat conquistou a medalha de ouro na final de solo masculino, com o espanhol Rayderley Zapata a ficar com a prata e o chinês Ruoteng Xiao com o ouro.

01.08.2021
Pan conquista bronze no golfe
USA Today Sports

A medalha de bronze no golfe foi para C T Pan, de Taipé. O golfista totalizou 269 pancadas nas quatro rondas da prova.

01.08.2021
Pai de Djokovic aconselhou-o a não ir aos Jogos
Reuters

A derrota de Novak Djokovic na luta pela medalha de bronze, diante do espanhol Pablo Carreño Busta, gerou um rol de críticas. O número um do mundo, que ambicionava o 'Golden Slam', acabou por sair de Tóquio sem medalhas, tendo abdicado depois do torneio de pares mistos, onde podia ter conquistado uma medalha, ao lado da compatriota Nina Stojanovic. O jogador disse que estava "exausto" e o pai confirmou agora isso mesmo. Veja mais aqui.

01.08.2021
Consumiu marijuana "para ir com o c..." e agora anuncia retirada: «Já não estou para isto»
Reuters

Arley Méndez, halterofilista chileno (81 kg) que foi campeão do Mundo em 2017, teve um desempenho para esquecer em Tóquio'2020. Revelou que tem passado por maus momentos, que consumiu marijuana de propósito "para ir com o c..." e que vai deixar as competições. Leia mais aqui.

01.08.2021
Ténis: Rep. Checa de ouro nos pares mistos
Reuters

Depois de já ter conquistado a prata no torneio de singulares femininos, por intermédio de Markéta Vondroušová, a Rep. Checa alcança agora o título olímpico nos pares femininos, graças ao triunfo da dupla composta por Barbora Krejcíková e Katerina Siniaková sobre a dupla suíça composta por Belinda Bencic e Viktorija Golubic. Bencic, refira-se, junta a prata nos pares ao ouro nos singulares. Esta manhã, no Centro de Ténis de Ariake, o triunfo surgiu em dois sets, com parciais de 7-5 e 6-1.

01.08.2021
Saltos para a água: dobradinha chinesa no trampolim a 3 metros feminino
Reuters

A China conquista ouro e prata nos saltos de trampolim a 3 metros femininos, com Tingmao Shi (383,5 pontos) a levar a melhor sobre a compatriota Han Wang (348,75) e sobre a norte-americana Krysta Palmer (343,75).

01.08.2021
Golfe: Xander Schauffele é o novo campeão olímpico
Reuters

O título no golfe masculino vai para a Grã-Bretanha, graças a Xander Schauffele, ao passo que a prata fica para Rory Sabbatini. O bronze será definido nos próximos minutos.

01.08.2021
Vela: dinamarquesa Anne-Marie Rindom vence ouro em Laser Radial
Reuters

Na segunda regata de medalha do dia na vela, a dinamarquesa Anne-Marie Rindom venceu o ouro em Laser Radial (com 78 pontos), depois de ter sido sétima na Medal Race. No segundo posto ficou a sueca Josefin Olsson (com 81), vencedora da regata final, à frente da holandesa Marit Bouwmeester (com 83), que foi sexta neste último dia.

01.08.2021
Boxe: francês perde a cabeça e dá murro em câmara após combate

O combate entre o britânico Frazer Clarke e o francês Mourad Aliev, dos quartos-de-final da categoria +91 kg dos Jogos Olímpicos Tóquio'2020, ficou marcado por uma cena pouco vista em eventos desta magnitude, onde o fair play costuma ser nota dominante. Tudo aconteceu no final do segundo assalto da luta, quando o lutador gaulês perdeu completamente a cabeça com uma decisão do juiz, protestou de forma veemente e ainda descarregou a sua fúria numa câmara, dando-lhe um murro em gesto de raiva.

Leia a história completa.

01.08.2021
Patrícia Mamona está pronta para a final

Falta pouco mais de quatro horas para a final do triplo salto e Patrícia Mamona já deixou a sua mensagem pré-prova nas redes sociais.


01.08.2021
Balanço das primeiras horas dos portugueses

A ação em português em Tóquio volta apenas pelas 11h30, por isso é hora de irmos ao balanço intermédio do dia para as cores nacionais. E a verdade é que os resultados não são os melhores.

A começar desde logo pela seleção de andebol, que acabou derrotada pelo anfitrião Japão por 30-29 e foi eliminada do torneio olímpico. A equipa de Paulo Jorge Pereira termina em igualdade pontual com os nipónicos e o Bahrain, mas fica atrás da formação árabe por conta do desempate no minicampeonato.

Pouco depois do adeus do andebol, Auriol Dongmo esteve na luta pelas medalhas no lançamento do peso e apenas não foi buscar o segundo bronze português por escassos 5 centímetros. A portuguesa acabou o concurso com a melhor marca em 19,57, atrás da neozelandesa Valerie Adams, que acabou com 19,62. A cinco centímetros das medalhas e do pódio...

Também no Estádio Olímpico, Ricardo dos Santos estreou-se de forma discreta, ao assinar o 35.º melhor tempo nas eliminatórias dos 400 metros. O velocista ficou a 1 segundo do seu recorde pessoal e acabou eliminado logo à estreia.

Por fim, a vela. A dupla do 470, composta por Diogo Costa e Pedro Costa, entrava neste dia com chances de chegar a uma posição na Medal Race, mas um dia para esquecer deitou esse objetivo por terra. Os dois irmãos foram 10.ºs na primeira regata e 16.ºs na segunda, finalizando o dia no 13.º posto, a 18 pontos do top-10.

Quanto ao que falta, teremos ainda o jogo da seleção de ténis de mesa pelas 11h30 diante da Alemanha, nos oitavos-de-final do torneio por equipas, e também a luta pelas medalhas no triplo salto com Patrícia Mamona às 12h20.

01.08.2021
Vela: Matt Wearn vence Laser masculino
Reuters

Na primeira de duas Medal Race da vela este domingo, o australiano Matt Wearn confirmou a conquista do ouro masculino, ao terminar a prova de Laser com 53 pontos. O croata Tonci Stipanovic, quarto na derradeira regata, acaba com a prata (82 pontos), à frente o norueguês Hermann Tomasgård (85), que foi sétimo na última regata.

01.08.2021
Finais em andamento

Neste momento são 15h30 em Tóquio e já estão em andamento as finais de saltos para a água (trampolim a 3 metros feminino), de pares femininos no ténis e ainda de Laser masculino, na feminino.

01.08.2021
Basquetebol: Argentina derrota anfitriões e avança para os 'quartos'
Reuters

Encostada à parede, a vicecampeã mundial Argentina garantiu a passagem aos 'quartos' ao derrotar o anfitrião Japão por 97-77. A turma das pampas contou com a inspiração do veterano Luis Scola (23 pontos e 10 ressaltos) e do virtuoso Facundo Campazzo (17 pontos e 11 assistências). Com esta vitória, a Argentina junta-se a Espanha, Eslovénia, França, Estados Unidos, Austrália, Itália e Alemanha nos 'quartos', entrando no pote das não-cabeças de série no sorteio que ditará o rumo da próxima ronda.

01.08.2021
Hóquei em campo: campeões ficam pelo caminho
Reuters

É uma das maiores surpresas do dia. A Argentina, campeã olímpica em título e grande candidata ao ouro no hóquei em campo, foi afastada nos quartos-de-final pela Alemanha, numa partida que terminou com triunfo germânico por 3-1. Os alemães irão enfrentar nas 'meias' a Austrália, que afastou a Holanda após penáltis.

01.08.2021
Nelson Évora revela operação ao menisco feita em março

O atleta do triplo salto Nelson Évora, campeão olímpico em 2008, revelou este sábado que se submeteu a uma operação ao menisco em março deste ano, ficando com menos de 18 semanas para preparar os Jogos Olímpicos Tóquio'2020. Évora, que aos 37 anos entra em prova na terça-feira no triplo salto, revelou, na rede social Instagram, que sofreu "uma pequena lesão no menisco" e teve de "correr contra o tempo" após a cirurgia.

Leia o artigo completo.

01.08.2021
Voleibol: Brasil vence longa maratona diante da França

Num jogo de loucos, a seleção brasileira masculina derrotou a congénere da França por 3-2, numa partida apenas resolvida ao cabo de 2 horas e 38 minutos. O segundo parcial, imagine-se, acabou em.. 39-37 (os franceses)!

01.08.2021
Vela: dia para esquecer para os 470

A dupla do 470, composta por Diogo Costa e Pedro Costa, terá dito adeus à chance de chegar à Medal Race, ao ser 16.ª na regata 8 da classe. Os portugueses acabaram a 3:22 dos vencedores e mantiveram o 13.º posto na geral, mas com 18 pontos de atraso para o top-10.

01.08.2021

Neste momento a dupla da classe 470 da vela vai a meio da última regata do dia e, até ver, o dia não está a correr mesmo bem. Esperemos pela segunda metade da regata. Cumprida esta prova, a ação em português volta apenas às 11:30, com a seleção de ténis de mesa a jogar diante da Alemanha. Já às 12:20 será a vez de Patrícia Mamona competir na final do triplo.

01.08.2021
Vela: dupla do 470 com arranque discreto
Reuters

Na primeira regata do dia nos 470, a dupla portuguesa composta por Diogo Costa e Pedro Costa finalizou em 10.º, a 1.56 minutos da frente. Os portugueses são agora 13.ºs na geral, com 61 pontos, a 11 do top-10, quando falta disputar três regatas.

01.08.2021
Andebol: Egito 'despacha' Bahrain em jogo do grupo de Portugal
Reuters

Com o apuramento no bolso, depois da derrota portuguesa, o Bahrain foi atropelado pelo Egito, perdendo por claros 30-20. A formação asiática, ainda assim, ruma aos 'quartos' de como quarto colocado no Grupo B. Já os egípcios ainda podem acabar em segundo, necessitando para tal que a Dinamarca não perca com a Suécia.

01.08.2021
Há mais 18 casos de Covid-19

O COI anunciou mais 18 casos de Covid-19 em pessoas ligadas ao Jogos Olímpicos nas últimas 24 horas, sendo que desses um é atleta.

01.08.2021
Ginástica: Simone Biles abdica de mais um concurso

Depois de já ter renunciado às provas de salto e paralelas assimétricas, Simone Biles decidiu igualmente abdicar da prova de solo. Segundo o anúncio da Federação Norte-Americana de Ginástica, ainda no ar está a possível presença na trave, que terá a sua final na terça-feira.

01.08.2021
BMX: título de freestyle para Logan Martin
Reuters

O australiano Logan Martin é o novo campeão olímpico de BMX Freestyle, isto numa final na qual já era o vencedor ainda antes de iniciar a sua última tentativa. Martin acabou com 93,30 pontos, conseguidos na primeira manga, acabando à frente do venezuelano Daniel Dhers (92,05) do britânico Declan Brooks (90,80). Com este terceiro posto, Brooks dá a quarta medalha aos britânicos - dois ouros, uma prata e agora um bronze.

01.08.2021
Ricardo dos Santos: «Sentia que estava debaixo do sol...»
COP

39.º no conjunto das eliminatórias dos 400 metros, Ricardo dos Santos assumiu que esperava mais na sua participação em Tóquio'2020. À RTP, o velocista português abordou ainda as condições extremas de calor, com quase 40 graus... às 11 da manhã.

"Antes de correr sentia que estava debaixo do sol, a pista estava muito quente... Tentei beber muita água. O objetivo era apurar para as meias-finais e tentar alguma coisa. Não foi o meu dia, mas ainda sou novinho e ainda vou continuar a lutar por uma boa marca", frisou o velocista luso, que já está de olho em Paris'2024: "Vamos começar tudo de novo, ver quais foram os meus erros e mudar tudo para que tenha mais do que uma ronda".

01.08.2021
Dongmo em lágrimas: «Perder assim é a coisa mais horrível»

Auriol Dongmo, de 30 anos, ficou este domingo no quarto lugar da final do lançamento do peso em Tóquio'2020, ao ficar a apenas cinco centímetros do bronze, que ficou nas mãos da neozelandesa Valerie Adams, que lançou 19,62 metros contra 19,57 da portuguesa.
 
"É mesmo difícil. Fiz uma boa recuperação e sentia-me com força para ganhar uma medalha hoje, mas há coisas que não conseguimos explicar", confessou a atleta do Sporting à RTP, antes de desabar em lágrimas. "Eu estava em forma, no aquecimento estava a lançar, mas pronto... perder desta maneira para mim é a coisa mais horrível."

O foco é agora Paris'2020. "Vou dar tudo. Prometo que vou continuar a trabalhar e dar tudo para estar melhor em Paris."

01.08.2021
Natação: um recorde mundial para fechar o programa
Reuters

E na última final de natação em Tóquio, os Estados Unidos (Ryan Murphy, Michael Andrew, Caeleb Dressel e Zach Apple) conquistaram a medalha de ouro com um novo recorde do Mundo, com 3.26,78 minutos, melhorando a marca norte-americana de 2009 (3.27.28). A medalha de prata foi para a Grã-Bretanha (Luke Greenbank, Adam Peaty, James Guy e Duncan Scott), que fez um novo recorde europeu (3.27,51). E o bronze foi para a Itália (Thomas Ceccon, Nicolo Martinenghi, Federico Burdisso e Alessandro Miressi), com 3.29,17.

01.08.2021
Atletismo: Auriol Dongmo fica às portas das medalhas
Reuters

Auriol Dongmo fica no quarto posto na final do lançamento do peso. A portuguesa, com 19,57, fica a somente 5 centímetros da marca de Valerie Adams, que conseguiu o bronze. A medalha ficou ali ao virar da esquina, mas a lançadora lusocamaronesa deu tudo neste concurso, apresentando uma regularidade de assinalar (não fez nenhum nulo e conseguiu cinco marcas acima dos 19 metros - 19,57, 19,45 e 19,45 nos últimos três).

O título olímpico vai para a chinesa GONG Lijiao Gong, a grande favorita, que consegue um novo recorde pessoal graças a um monstruoso lançamento final de 20,58 - depois de ter feito 20,53 no quinto -, ao passo que a prata foi para Raven Saunders (19,79) e o bronze para a já referida Adams.

01.08.2021
Atletismo: Ricardo dos Santos fecha em 39.º nos 400 metros
COP

Ricardo dos Santos com o 39.º tempo entre os 48 presentes nas eliminatórias dos 400 metros. O português fica pelo caminho, apesar de ter registado a melhor marca da época. A título de curiosidade, o espanhol Oscar Husillos, atual campeão europeu indoor na mesma prova, foi apenas o 43.º...

01.08.2021
Natação: australianas vencem estafeta 4x100 metros estilos
Reuters

Na última prova do setor feminino, a Austrália (Kaylee McKeown, Chelsea Hodges, Emma McKeon e Cate Campbell) conquistaram o ouro nos 4x100 metros estilos, com 3.51,60, um novo recorde olímpico. A medalha de prata foi para os Estados Unidos (Regan Smith, Lydia Jacoby, Torri Huske e Abbey Weitzeil), que ficaram a apenas 13 centésimos da rival Austrália, ao fazeremo 3.51,73. E o bronze ficou para o Canadá (Kyle Masse, Sydney Pickrem, Margaret MacNeil e Penny Oleksiak), com 3.52,60 minutos.

01.08.2021
BMX: Charlotte Worthington vence ouro na prova de freestyle
Reuters

A britânica consegue o ouro com uns incríveis 97,5 pontos, num concurso no qual conseguiu o primeiro 360 backflip da história numa prova feminina. Hannah Roberts, dos Estados Unidos, acabou com a prata graças aos 96,10 pontos que conquistou, ao passo que a helvética Nikita Ducarroz fecha o pódio, com 89,20.

01.08.2021
Atletismo: Dongmo avança para as rondas finais do peso
Reuters

Auriol Dongmo, uma das atletas portuguesas com maiores aspirações de uma medalha no atletismo, passou aos últimos três lançamentos da final do lançamento do peso, ao terminar as primeiras três rondas de ensaios com 19,29 metros, apenas atrás da chinesa Lijiao Gong (19,98), da norte-americana Raven Saunders (19,65) e da neozelandesa Valerie Adams (19,62). A portuguesa segue claramente na luta pelas medalhas.

Siga a final aqui.

01.08.2021
Natação: ouro para Robert Finke nos 1500m livres

O norte-americano Robert Finke conquistou a medalha de ouro dos 1.500 metros livres, com 14.39,65 minutos, à frente do ucraniano Mykhailo Romanchuk (14.40,66) e do alemão Florian Wellbrock (14.40,91). Finke já tinha ganho os 800 livres.

01.08.2021
Natação: Emma McKeon junta ouro ao novo recorde olímpico dos 50m livres
Reuters

E na segunda final do dia, mais um recorde olímpico. A australiana Emma McKeon, que se arrisca a ser a grande figura destes Jogos Olímpicos, venceu os 50 metros livres femininos, com 23,81 segundos, batendo o seu recorde olímpico (24,00) feito já em Tóquio. A australiana de 27 anos tem agora... seis medalhas (três ouros e três bronzes) nestes Jogos Olímpicos, e ainda vai disputar a estafeta dos 4x100 estilos. A prata ficou para a recordista mundial, a sueca Sarah Sjöström (24,07), e o bronze pertenceu à dinamarquesa Pernille Blume (24,21).

01.08.2021
Natação: quarto ouro em Tóquio e recorde olímpico para Dressel nos 50m livres
Reuters

O último dia de finais de natação pura nos Jogos Olímpicos começou da melhor forma. Na final dos 50 metros livres, Caeleb Dressel conquistou a sua quarta medalha de ouro em Tóquio, ao vencer com um novo recorde olímpico: 21,07 segundos, melhorando a marca do brasileiro César Cielo (21,30). O craque norte-americano volta a nadar no final da sessão, na estafeta dos 4x100 metros estilos. A medalha de prata foi para o francês Florent Manaudou (21,55), enquanto o bronze ficou para o brasileiro Bruno Fratus (21,47).

01.08.2021
E agora vamos às finais da natação

Com as emoções do final do jogo de andebol e o início da final do peso acabámos por deixar para trás as finais da natação, mas já lá vamos...

01.08.2021
Humberto Gomes: «Já demonstrámos aos portugueses que conseguimos fazer muito mais»
Reuters

Humberto Gomes voltou a estar em evidência na baliza de Portugal, ao realizar 11 defesas, mas insuficientes para derrotar o Japão. No final, o experiente guarda-redes fez o balanço da participação histórica em Tóquio.

"Saio um bocado triste mas foi muito bom fazer parte deste grupo. Infelizmente não conseguimos passar, que era o nosso objetivo. Mas estar aqui foi uma experiência única, saio triste...", lamentou Humberto Gomes, na flash da RTP após a partida.

"Já sabíamos que este jogo seria num horário cedo [9 horas da manhã] há muito tempo. Isso não pode servir de desculpa, todos nós temos de fazer uma reflexão, todos temos de fazer mais. Já demostrámos aos portugueses que conseguimos fazer muito mais", sublinhou.

"Quanto ao futuro, agora é tentar fazer o que fizemos nestes últimos anos. O complicado chega agora, que é manter este nível elevado. Temos participado em fases finais de Europeus, Mundiais, agora Jogos Olímpicos... o complicado é agora manter a Seleção cá em cima", observou Humberto Gomes.

01.08.2021
Atletismo: Ricardo dos Santos em 7.º na eliminatória dos 400 metros

Ricardo dos Santos acaba de concluir a sua prova dos 400 metros com 46,83 segundos. O português é sétimo na sua eliminatória e está fora da corrida pelas meias-finais. Ricardo dos Santos foi a Tóquio com um recorde pessoal de 45,14 segundos, sendo que este ano a sua melhor marca era de 47,32.

01.08.2021
Rui Silva e a eliminação de Portugal: «Estou triste mas orgulhoso do nosso trajeto»
Reuters

Rui Silva, capitão da Seleção Nacional, abordou a derrota com o Japão e consequente eliminação de Portugal nos Jogos Olímpicos.

"Não estou frustrado, estou triste. Acho que tínhamos capacidade para fazer mais um bocadinho e concretizar o objetivo de seguir em frente. Mas tenho um tremendo orgulho de ser português e por já termos concretizado o objetivo de estar aqui nos Jogos", começou por dizer o central português, na flash da RTP após o jogo.

"Não creio que o facto do jogo ter sido às nove da manhã tenha tido qualquer peso. Todos tínhamos essa noção de responsabilidade. Podíamos ter feito mais, acredito que sim, mas orgulhoso do nosso percurso", acrescentou Rui Silva.

"O que correu mal? Entrámos a falhar um pouco, com muitas bolas nos postes... O Humberto Gomes voltou a fazer um bom jogo e nós na segunda parte voltámos para a frente do marcador mas voltámos a falhar situações aos seis metros. Mas isto é o desporto e o andebol... Uns dias ganhamos, outros perdemos. Não é por isto que vamos desviar-nos do nosso caminho", garantiu.

01.08.2021
Paulo Jorge Pereira: «Um dia vou escrever um livro com o título 'O golo que falta'»

Desapontado pelo adeus português aos Jogos Olímpicos, Paulo Jorge Pereira assumiu que a Seleção de andebol poderia ter feito bem melhor diante do Japão (derrota por 30-29), mas apontou o dedo à falta de investimento no desporto nacional, que no seu entender faz com que o nosso país esteja sempre atrás dos restantes a nível de preparação.

"Sentimento de frustração, um pouco triste. Ontem falava nisso em tom de brincadeira, mas um dia vou escrever um livro, que terá como título 'O golo que falta'. Nós, como sabem, em Portugal o desporto importa pouco. Organizamo-nos pouco para competir com equipas deste nível, que se preparam para estas competições. Aquilo que levo é um sentimento de tristeza, por sentir que podemos fazer mais do que isto, se qualificarmos mais as coisas. Só assim será possível. Faltou desde logo a questão da adaptação. Oito horas de diferença, só quem vive sabe disso. Quem vai de Espanha para Portugal e de Portugal para Espanha não sabe. Vivemos sempre em défice. Sabia que este jogo, desde o início, quando vi a sequência, que tê-lo às 9 da manhã, com o Japão, iria ser uma conficionante enorme. Por isso é que com a Suécia fizemos tudo para tentar pontuar. Até aí faltou o golo. Com esse golo já estávamos apurados. É continuar a fazer o que podemos fazer. Aquilo com que me sinto bem é que ao longo destes anos creio que conseguimos alertar toda a gente que Portugal pode fazer bem, mas é muito difícil com seleções que investem muito mais do que nós", disse o técnico, à RTP.

"Temos de fazer muito melhor do que isto. Sinto-me orgulhoso sempre, mas acho que nós enquanto equipa - e o nosso país - podemos fazer mais do que fazemos. Embora haja muita gente que trabalha muito todos os dias para poder trazer comida para a mesa. Mas há também muita gente que pode fazer mais e não faz. Muita gente! Por isso, uma palavra de apreço para aqueles que fazem tudo para que Portugal seja melhor todos os dias e nós, tendo de aprender sempre e melhorar como grupo e individuos, sinto que nos últimos três anos fizemos por isso

01.08.2021
Andebol: Seleção falha 'quartos'

Com uma derrota por 30-29 diante do Japão, Portugal está fora do torneio de andebol de Tóquio'2020. A Seleção Nacional até podia empatar e seguir em frente, mas o desaire diante dos nipónicos dita já o adeus da turma das quinas.

01.08.2021
São 10 da manhã em Tóquio e as temperaturas estão... assim
Reuters

A imagem acima foi captada no Estádio Olímpico, durante as provas de 3000 metros obstáculos. Tendo em conta o calor, a passagem pelos fossos de água saberá mesmo bem aos atletas...

01.08.2021
O programa da natação de hoje

Se está habituado a ter por aqui notícias das medalhas da natação, saiba que hoje será o último dia. Pelo menos no que à piscina diz respeito. Serão cinco as medalhas a atribuir, com Caeleb Dressel a ser o grande favorito a juntar mais duas ao seu pecúlio, nas provas de 50m livres e 4x100m livres.

Eis os horários:

2:30 - Natação (50m livres masculinos)
2:37 - Natação (50m livres femininos)
2:44 - Natação (1500m livrs masculinos)
3:15 - Natação (4x100m estilos femininos)
3:36 - Natação (4x100m estilos masculinos)

01.08.2021
Atletismo: sessão da manhã já em andamento

Neste momento já decorrem no Estádio Olímpico alguns eventos de atletismo, com as eliminatórias do lançamento do martelo feminino e dos 3000 metros obstáculos. Segue-se o comprimento feminino e depois, pelas 2h35, a primeira final do dia, com Auriol Dongmo na luta no lançamento do peso. Depois, às 2h45, no fecho do programa matinal, correm-se as eliminatórias dos 400 metros, com Ricardo dos Santos.

01.08.2021
Um olhar às modalidades coletivas

Como nos últimos dias, vamos fazer agora a ronda para recolher os principais jogos de modalidades coletivas do dia.

Comecemos no basquetebol, com um duelo no masculino que promete 'pegar fogo' entre a Espanha e a Eslovénia. Os balcânicos têm um Luka Doncic em grande e ainda não perderam... Horas antes também haverá um duelo entre Argentina e Japão. No torneio feminino jogam-se Canadá-Espanha e Coreia do Sul-Sérvia.

No andebol, para lá do Portugal-Espanha, vamos ter um Espanha-Argentina, um enorme duelo entre Noruega e França, um Alemanha-Brasil e, a fechar, um dérbi nórdico entre Dinamarca e Suécia.

E temos também voleibol, com o Brasil a jogar com a França, a Rússia a jogar com a Tunísia e ainda os Estados Unidos a defrontar a Argentina. Todos os duelos são do torneio masculino.

E, a fechar, nota para o arranque do torneio por equipas de ténis de mesa, com Portugal a jogar com a Alemanha. Há ainda um duelo entre China e Egito no setor masculino, ao passo que nas senhoras teremos encontros entre China e Áustria, Alemanha e Austrália e Japão com a Hungria.

01.08.2021
Andebol: Seleção já joga diante do Japão
Reuters

Numa partida decisiva, Portugal defronta neste momento o Japão. Vencer garante já os 'quartos'! Siga tudo no nosso direto.

01.08.2021
As contas do medalheiro

Antes da entrega das primeiras medalhas do dia, hora de olhar ao medalheiro, que continua a ser liderado pela China. Os Estados Unidos estão a demorar a saltar para o topo...

01.08.2021
Namorada 'salvou' Duplantis de contacto de risco

A prova de salto com vara ficou marcada desde logo pela saída de cena, ainda antes do concurso começar, de Sam Kendricks por conta do caso de Covid-19, mas a verdade é que a situação poderia ter sido pior e ter até atirado borda fora o maior candidato ao ouro. É que Armand Duplantis esteve a um triz de ter um contacto direto com o norte-americano por volta da altura em que este testou positivo. Quem o 'safou' foi a sua... namorada. Não sendo claro que esse contacto poderia infetar o sueco, a verdade é que podia ter acontecido e não aconteceu.

"Iria encontrá-lo na Aldeia Olímpica para tomarmos um café, mas fiquei muito tempo a conversar com a minha namorada e acabei por não ir. Portanto, sinto-me muito grato a ela por estarmos juntos", disse o prodígio sueco, que é o detentor do recorde mundial na especialidade e que na terça-feira irá tentar o seu primeiro título olímpico.

01.08.2021

Por esta altura temos já em andamento as provas de equestre, golfe e tiro. É o aquecimento para mais um dia agitado, com possibilidade de feitos históricos para Portugal.

01.08.2021
As finais do dia

Para lá das duas finais com portugueses, o programa contará com outras decisões, desde logo do torneio de golfe, passando pela natação e ainda pelo ténis. A fechar a jornada iremos ficar a conhecer o sucessor de Usain Bolt no título de homem mais rápido do planeta.

Eis os horários

23:30 - Golfe (torneio masculino)
2:10 - Ciclismo (BMX Freestyle, park feminino)
2:30 - Natação (50m livres masculinos)
2:35 - Atletismo (lançamento do peso feminino)
2:37 - Natação (50m livres femininos)
2:44 - Natação (1500m livrs masculinos)
3:15 - Natação (4x100m estilos femininos)
3:20 - Ciclismo (BMX Freestyle, park masculino)
3:36 - Natação (4x100m estilos masculinos)
6:33 - Vela (Laser masculino)
7:00 - Saltos para a água (trampolim a 3 metros feminino)
7:00 - Ténis (final de pares femininos)
7:00 - Ténis (final de singulares masculinos)
7:00 - Ténis (final de pares mistos)
7:33 - Vela (Laser feminino)
9:00 - Ginástica artística (solo masculino)
9:52 - Ginástica artística (saltos feminino)
10:41 - Ginástica artística (cavalo com arções masculino)
11:10 - Atletismo (salto em altura masculino)
11:24 - Ginástica artística (paralelas assimétricas feminina)
11:50 - Esgrima (florete por equipas masculino)
11:50 - Halterofilismo (76kg feminino)
12:15 - Atletismo (triplo salto feminino)
13:20 - Badminton (torneio individual feminino)
13:50 - Atletismo (100m masculinos)

31.07.2021
O programa dos portugueses

Como já dissemos, o dia terá duas finais com portugueses e ainda jogos de andebol e ténis de mesa. Eis os horários de todos os eventos com representação nacional nesta jornada, a nona de Tóquio'2020.

1:00 - Seleção masculina (Andebol, vs. Japão)
2:35 - Auriol Dongmo (Atletismo, final do lançamento do peso)
2:45 - Ricardo dos Santos (Atletismo, 400m Q)
4:00 - Diogo Costa e Pedro Costa (Vela, 470, regatas 7 e 8)
11:30 - Seleção masculina (Ténis de mesa, oitavos de final, vs. Alemanha)
12:20 - Patrícia Mamona (Atletismo, final do Triplo salto)

31.07.2021
Arranca mais uma jornada

Bom dia! Sejam bem-vindos a mais uma jornada de acompanhamento de tudo o que passa em Tóquio, isto num dia que pode ser histórico para o nosso país. É que vamos ter dois atletas portugueses em finais, havendo perspetivas reais de conquista de medalhas. Se tal suceder, este 1 de agosto ficará para sempre para a história. Mas há muito mais para acompanhar, desde logo com a seleção de andebol e ainda com a de ténis de mesa. Vai ser um dia em cheio. Fique por aí!

Por José Morgado, Diogo Jesus e Fábio Lima
3
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Tóquio 2020

Notícias