Media e sites internacionais prevêm várias medalhas para Portugal em Tóquio'2020

Há quem atribua seis pódios, com dois atletas em cada degrau

• Foto: DR

Se as previsões de órgãos de comunicação social e sites internacionais se confirmarem, Portugal pode contar com várias medalhas em Tóquio2020, cumprindo assim com o objetivo protocolado entre o Comité Olímpico de Portugal e o Estado.

A agência Associated Press 'atribui' o ouro ao judoca bicampeão do mundo Jorge Fonseca na categoria de -100 kg, e o bronze a Fernando Pimenta, em canoagem K1 1.000, a Pedro Pichardo, no triplo salto, e ao veterano João Vieira, nos 50 quilómetros marcha.

A missão de Portugal conta com 92 atletas, que vão competir em 17 modalidades, com o objetivo de atingirem, pelo menos, duas medalhas, 12 diplomas, com lugares até ao oitavo, bem como 26 resultados até ao 16.º.

O site especializado www.olympicmedalspredictions.com repete o ouro de Jorge Fonseca e alarga o lote da prata a João Vieira, Pedro Pichardo e ainda à judoca Bárbara Timo, em -70 kg.

Numa lista em que Fernando Pimenta volta a levar o bronze, referência ainda à inexequível prata de Vasco Vilaça no triatlo, pois o vice-campeão do mundo em 2020 não se apurou.

Já o www.bestsports.com.br é o mais otimista para as ambições lusas, atribuindo-lhe seis pódios, com dois atletas em cada degrau.

Jorge Fonseca e João Vieira levam o ouro, Fernando Pimenta e Rui Bragança, na categoria de -58 kg, no taekwondo, levam a prata, enquanto Pichardo e Timo ficam com o bronze.

Nas suas análises, estes projetos têm em conta o desempenho nas principais provas internacionais nos últimos anos, designadamente campeonatos da Europa e do Mundo, bem como Taças do Mundo e eventos similares.

A cumprirem-se as 'profecias', o atletismo, o judo, a canoagem e o taekwondo serão os desportos mais bem-sucedidos na comitiva lusa.

Ao todo são cerca de 11.000 os desportistas a lutarem pelos 339 títulos olímpicos em disputa em provas distribuídas por 33 modalidades.

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 vão decorrer entre sexta-feira e 08 de agosto, 364 dias depois da data prevista, devido à pandemia de covid-19.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Tóquio 2020

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.