Coreia do Norte quer organizar mundiais de juniores em 2017

País oferece garantias

• Foto: Fernando Ferreira

A Coreia do Norte pretende organizar os Mundiais de judo de juniores em 2017, uma decisão que deverá ser conhecida antes dos Jogos Olímpicos Rio2016, que se realizam de 5 a 21 de agosto.

O presidente da Federação Internacional de Judo (IJF), Marius Vizer, esteve em dezembro na capital norte-coreana, em Pyongyang, naquela que foi a sua terceira visita ao país e obteve garantias que o terão convencido.

"Confirmaram que haverá vistos para todos", salientou Vizer à agência AFP, acrescentando que teve garantias escritas que haverá condições para alojamento de todos os judocas, sem importar de que país.

O presidente da IFJ referia-se especificamente aos casos dos Estados Unidos, Coreia do Sul e Japão.

Marius Vizer explicou também que a candidatura tem dois a três anos e que há muito tempo que a Coreia do Norte pretende receber uma competição.

"O judo é um desporto prioritário na Coreia do Norte e eles aproximaram-se também de outras federações internacionais", sublinhou o responsável máximo do judo mundial.

O país conseguiu na quinta-feira a organização dos Mundiais juniores de halterofilismo de 2018, o que será, salvo se receber o judo no ano anterior, a sua primeira grande organização desportiva desde os Mundiais de ténis de mesa em 1979.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Judo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.