Joana Crisóstomo termina Europeus em sétimo lugar em -70 kg

Na mesma categoria, a vice-campeã mundial Bárbara Timo teve um dia infeliz em Praga

A judoca Joana Crisóstomo, recente vice-campeã europeia de juniores, foi a mais bem classificada entre os portugueses que combateram esta sexta-feira nos Europeus absolutos, ao terminar no sétimo lugar na categoria de -70 kg.

Com cinco judocas em ação no segundo dia da competição em Praga, destinado às categorias de peso intermédias, Joana Crisóstomo, de 19 anos, venceu dois combates e perdeu outros dois.

A judoca da Universidade Lusófona chegava a Praga como prémio pela 'prata' obtida no início de novembro, em Porec, na Croácia, e teve um bom desempenho, perdendo apenas com a campeã mundial no acesso às meias-finais e, depois, na repescagem para a medalha de bronze.

Depois de vencer a lituana Ugne Pileckaite e a irlandesa Megan Fletcher (19.ª do 'ranking' mundial), Crisóstomo perdeu com a campeã mundial Marie Eve Gahie (número um do mundo), a 10 segundos do final, e, posteriormente, com a russa Madina Taimazova (35.ª).

Neste combate, a judoca portuguesa teve uma desvantagem de 'waza-ari' no primeiro minuto e foi a 1.26 minutos do fim que acabou derrotada por 'ippon', num movimento que a deixou, aparentemente, lesionada num ombro e em lágrimas.

Na mesma categoria, a vice-campeã mundial Bárbara Timo teve um dia infeliz em Praga, ao perder logo no combate de estreia, após uma chave de braço incorreta à italiana Alice Bellandi, sendo desqualificada por 'ippon'.

Na categoria de -81 kg, João Martinho perdeu também no combate inicial e Anri Egutidze, um dos judocas em zona elegível para os Jogos Olímpicos, não chegou sequer a disputar o combate com o azeri Murad Fatiyev, não comparecendo no 'tatami' da O2 Arena.

João Fernando (223.º da hierarquia) conseguiu disputar dois combates em -73 kg, começando por vencer um adversário posicionado mais perto de si no 'ranking', o bielorrusso Yahor Trukhan (196.º), perdendo de seguida com o georgiano Lasha Shavdatuashvili (23.º), por 'waza-ari'.

No sábado, último dia dos Europeus, competem Jorge Fonseca (campeão mundial de -100 kg), Yahima Ramirez (-78 kg) e Rochele Nunes (+78 kg), com Portugal a ter até ao momento apenas a medalha de prata conquistada por Telma Monteiro, em -57 kg.

A judoca almadense conquistou na quinta-feira a sua 14.ª medalha em igual número de presenças em Europeus, contando com cinco medalhas de ouro, duas de prata e sete de bronze, desde 2004.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Judo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.