Joana Ramos falha medalha de bronze no Grande Prémio de Samsun

Quinta classificada na Turquia

• Foto: Vítor Chi

A judoca olímpica Joana Ramos falhou esta sexta-feira a medalha de bronze e terminou no quinto lugar o Grande Prémio de Samsun, na Turquia, ao perder com a israelita Gili Cohen, adversária abaixo de si no ranking mundial.

A portuguesa, 12.ª da hierarquia mundial na categoria de -52 kg, disputou a poule D, na qual se apurou para as meias-finais ao vencer dois combates, o último dos quais com a kosovar Distria Krasniqi, garantindo a vitória no último segundo, com um 'waza-ari'.

Joana Ramos conseguiu igualar o 'waza-ari' que tinha sofrido no decorrer do combate, mas chegou à vitória face aos três castigos que a sua adversária acabou por ter, devido a um judo passivo quando estava em vantagem.

Nas meias-finais, a judoca perdeu com a 11.ª do mundo, Gulbadam Babamuratova, do Turquemenistão, e foi relegada para a discussão da medalha de bronze, na qual acabou penalizada com dois 'shidos' (castigos), contra um da israelita Gili Cohen (14.ª).

No primeiro dia do Grande Prémio de Samsun estiveram também em ação Joana Diogo, nos -48 kg, que perdeu no primeiro combate, bem como Sergiu Oleinic, nos -66 kg, também derrotado na estreia e depois de na última semana ter sido sétimo em Tbilisi.

Tal como Joana Ramos, Sergiu Oleinic é um dos judocas portugueses em zona de qualificação olímpica, com o atleta do Sporting a ocupar, para já, o 22.º lugar mundial na categoria de -66 kg.

No sábado, Portugal terá em competição Ana Cachola (-63 kg), André Alves e Nuno Saraiva (ambos em -73 kg) e Diogo Lima (-81 kg) e no domingo Yahima Ramirez (-78 kg) e Jorge Fonseca (-100 kg), judoca que foi recentemente medalha de bronze na Geórgia.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Judo

Notícias

Notícias Mais Vistas