Mundiais: Jorge Fonseca encerra participação portuguesa sem medalhas

Perdeu com o egípcio Ramadan Darwish na repescagem para a medalha de bronze

O português Jorge Fonseca foi esta terça-feira sétimo classificado na categoria de -100 kg dos Mundiais de judo, ao perder com o egípcio Ramadan Darwish no primeiro combate da repescagem para a conquista da medalha de bronze.

Jorge Fonseca perdeu por 'ippon', após 4.45 minutos de confronto com Darwish, encerrando a participação lusa nos Mundiais de Baku, uma vez que Portugal não tem representantes no último dia de competição, quarta-feira, nas duas categorias mais pesadas (+100 kg masculinos e +78 kg femininos).

A seleção portuguesa, composta por 15 praticantes, despede-se dos campeonatos sem ter conquistado qualquer medalha e com o quinto lugar de Catarina Costa, obtido logo de primeiro dia de competição, na categoria de -48 kg, como o melhor resultado alcançado na capital do Azerbaijão.

Depois de ter recebido uma passagem direta na ronda inaugural, sem necessidade de competir, Jorge Fonseca bateu o checo Michal Horak, por 'ippon', após 3.06 minutos, e o ucraniano Anton Savytskiy, pelo mesmo método, aos 4.54 do terceiro combate.

Nos quartos de final, que serviam ainda para determinar o vencedor do grupo B, o judoca português falhou o acesso à luta pela medalha de ouro, ao perder, também por 'ippon', após 2.47 minutos de confronto com o mongol Otgonbaatar Lkhagvasuren.

Na categoria de -78 kg, Patrícia Sampaio caiu no terceiro combate, com a holandesa Marhinde Verkerk, por 'ippon', após 2.24 minutos no 'tatami', depois de ter 'despachado' em 30 segundos a camaronesa Audrey Njapa na segunda ronda, para a qual foi diretamente apurada.

Na mesma classe de peso feminina, Yahima Ramirez, não passou da eliminatória inaugural, frente à equatoriana Vanessa Chala, ao ser admoestada com três penalizações, após 3:15 minutos de combate.

Telma Monteiro, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Rio2016, era a principal referência nacional e a única judoca da seleção com medalhas conquistadas em Mundiais, mas foi eliminada no terceiro combate da categoria de -57 kg pela a japonesa Tsukasa Yoshida.

Apesar de nunca se ter sagrado campeã do mundo, Telma Monteiro continua a ser a atleta lusa mais bem-sucedida na competição, sendo responsável por cinco de um total de nove medalhas conquistadas por judocas portugueses, quatro de prata (2007, 2009, 2010 e 2014) e uma de bronze (2005).

Os restantes 'metais' foram alcançados por judocas que já terminaram as carreiras: Filipa Cavalleri (bronze, em 1993), Guilherme Bentes (bronze, em 1997), Catarina Rodrigues (bronze, em 2001) e João Neto (bronze, em 2003).

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Judo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.