Record

Amanhã já estamos na estrada

RUMO A DAKAR

Amanhã já estamos na estrada
Amanhã já estamos na estrada

Finalmente estamos quase no dia tão ansiado – o da partida. Ontem, quarta-feira, desembrulharam-se as prendas, «arquivou-se» o bacalhau com couves, as rabanadas, o arroz doce e o bolo rei, festejou-se o Natal em família, mas muito do pensamento já estava em Coruche, local de partida, amanhã, para a mais uma aventura africana.

Não é portanto de estranhar que hoje se note alguma impaciência e até algum nervosismo naqueles que decidiram aceitar o desafio. Sempre serão uns milhares de quilómetros os que teremos de percorrer até à capital senegalesa, deixando para trás, por exemplo, as dunas marroquinas ou as zonas desérticas da Mauritânia.

Mas apesar de o Sahara Desert Challenge não ser uma competição desportiva – é, apenas, a maior expedição deste tipo organizada na Europa – o principal objectivo dos participantes é chegar ao fim, o que exige obviamente uma certa preparação de homens, mulheres e máquinas. Não causa por conseguinte admiração que, nestas horas que antecedem o arranque da caravana, surja uma natural ansiedade e algumas preocupações.

Por isso, muitos passarão parte do dia ao redor dos jipes ou das motos, nas indispensáveis verificações finais. Há que ver se tudo funciona correctamente uma vez mais, se nada ficou esquecido, se a documentação está toda, se o farnel chega, se o rádio funciona, se o gps está em ordem… Há sempre qualquer coisa a fazer à última hora e, mesmo assim, nunca estamos livres de um percalço.

E se houver, amanhã ainda se irá a tempo de se conseguir uma solução, já que as verificações técnicas e administrativas decorrerão pela manhã e a partida para a primeira etapa – 35 quilómetros ao longo do montado ribatejano – apenas será dada após o almoço. Haverá, portanto, tempo para «desenrascar» qualquer anomalia que surja.

Depois, já no sábado, seguiremos até Tarifa, onde toda a caravana, já com os espanhóis, italianos, andorrenhos, argentinos e franceses integrados, embarcará para o continente africano. Pernoita-se em Tânger e, no dia seguinte, com bastante alcatrão ainda pelo meio, na famosa cidade de Marrakech.

A partir de aqui… é a aventura! Esperamos diariamente poder dar-lhes a conhecer os pormenores, poder contar-lhes as alegrias, as tristezas, todas as peripécias de uma viagem que queremos seja inesquecível. Assim a tecnologia nos ajude!

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Desert Challenge

Notícias

Notícias Mais Vistas

M