Hamilton assume impacto da Covid-19: «Nunca tinha acabado uma corrida tão rebentado»

Piloto britânico foi terceiro e diz ter passado mal em Abu Dhabi

• Foto: REUTERS

Lewis Hamilton pode ser um dos atletas mais fortes e bem sucedidos do Mundo, mas nem a sua superior capacidade física impediu que tenha passado por momentos complicados provocados pela Covid-19. Infetado com o coronavírus há duas semanas, o britânico voltou às pistas este fim de semana para disputar o Grande Prémio de Abu Dhabi, naquela que diz ter sido a prova mais difícil da temporada. Tudo por causa dos efeitos da Covid-19 no seu corpo.

"Foi uma corrida muito dura. Durante todo o ano estive bem fisicamente, mas hoje estive bem longe disso. Só estou feliz por ter acabado...", começou por dizer o britânico, que em seguida não teve dúvidas em apontar a Covid-19 com a responsável pela forma como sentiu a corrida: "Fisicamente afetou-me imenso. Nunca tinha acabado tão destruído... O meu corpo não está bem, mas vejam pelo lado positivo: consegui superar isto. Na semana passada não pensava estar aqui. Estou mesmo grato pela minha saúde e por estar vivo. E agora quero recuperar neste período de tempo que temos pela frente, para voltar a treinar e colocar o corpo no ponto onde ele deve estar".

Lewis Hamilton, refira-se, foi o terceiro colocado num Grande Prémio de Abu Dhabi ganho por Max Verstappen.

Por Fábio Lima
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.