Lewis Hamilton renova com a Mercedes até 2020 e passa a ser o mais bem pago de sempre

Estima-se que fique com um salário a rondar os 45 milhões de euros por ano

• Foto: Reuters

Terminou a especulação sobre o futuro (pelo menos no imediato) de Lewis Hamilton. O piloto britânico, quatro vezes campeão do Mundo, renovou contrato com a Mercedes até 2020.

A Mercedes, que confirmou a notícia esta manhã, não revela os números envolvidos nesta negociação, mas estima-se que o piloto britânico vá ganhar 45 milhões de euros por ano. Para se perceber a dimensão deste número basta dizer que Hamilton vai auferir mais 15 milhões de euros anuais do que… Cristiano Ronaldo!

Hamilton, que assim tem assegurada a sua continuidade na Mercedes até aos 35 anos, passará a ser o piloto mais bem pago de sempre na Fórmula 1, "batendo" o salário anual de 43,8 milhões de euros que Raikkonen recebeu na Ferrari entre 2007 e 2009.

"Este novo contrato está praticamente acordado desde que eu e o Toto Wolff [diretor executivo da escuderia] nos sentámos no final da época passada e conversámos sobre isto. E bom vê-lo em papel e poder continuar a trabalhar normalmente", contou o piloto, de 33 anos.


"Estou na 'família' Mercedes há 20 anos e nunca fui tão feliz numa equipa", acrescentou Hamilton, de 33 anos. 

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.