Mercedes renova com Wolff e Lauda até 2020

Dirigentes mantêm percentagem que possuem na escuderia do construtor alemão

• Foto: Mercedes AMG F1

A Mercedes anunciou esta segunda-feira que renovou contrato até 2020 com os austríacos Toto Wolff e Niki Lauda, presidente executivo e presidente não executivo da sua escuderia de F1. Wolff e Lauda viram os contratos renovados depois de terem alcançado "resultados que superaram as expetativas", que se traduziram na conquista de todos os títulos desde 2014.

O final dos vínculos dos dois dirigentes coincide com o acordo de permanência do construtor alemão no Mundial de F1, devendo seguir-se agora negociações com os novos detentores dos direitos comerciais da competição, a Liberty Media Corporation, ainda no decorrer deste ano. Wolff e lauda mantêm a mesma percentagem que já possuiam da escuderia na sua posse, respetivamente 30 e 10 por cento.

Na nova temporada, que arranca a 26 de março com o GP da Austrália, a escuderia alemã vai voltar a contar com o piloto britânico Lewis Hamilton, que terá como colega de equipa Valtteri Bottas (ex-Williams).

O finlandês foi escolhido para substituir o alemão Nico Rosberg, que abandonou a Fórmula 1 na última temporada, depois de se ter sagrado campeão pela primeira vez.

Por António Espanhol e Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.