Record

Ricciardo deixa a Red Bull no final da temporada e ruma à Renault

Australiano estava na equipa desde 2014

Depois de várias semanas de negociações, a Red Bull Racing anunciou que Daniel Ricciardo vai deixar a equipa no final da temporada de 2018 da Fórmula 1.

O australiano, que estava na equipa desde 2014 (e no programa de desenvolvimento da Red Bull desde 2008), passou as últimas semanas em negociações para renovar o seu contrato com a equipa liderada por Christian Horner e tudo parecia bem encaminhado.

Mas se muitos pensavam que a renovação era apenas uma formalidade, novos desenvolvimentos ditaram o fim da relação entre Ricciardo e a Red Bull.

Christian Horner, "patrão" da Red Bull Racing, já reagiu e confirmou que foi o australiano a tomar a iniciativa: "Respeitamos totalmente a decisão do Daniel em deixar a Red Bull e desejamos tudo de melhor para o seu futuro".

"Gostaria de lhe agradecer pela sua dedicação e pelo papel que ele desempenhou desde que se juntou à equipa, em 2014. O ponto alto, claro, foram as sete vitórias e os 29 pódios que conquistou connosco", acrescentou.

Depois deste anúncio a Renault não perdeu tempo e informou que Daniel Ricciardo assinou um contrato válido para as próximas duas temporadas. Na Renault, Ricciardo vai formar equipa com o alemão Nico Hülkenberg.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

M