Toto Wolff com misto de sentimentos

Devido ao facto de Hamilton ter 'oferecido' o 3.º lugar a Bottas na Hungria

• Foto: EPA

O diretor executivo da Mercedes teve um misto de sentimentos com a atitude de cavalheirismo protagonizada por Lewis Hamilton no Grande Prémio da Hungria. Se por um lado Toto Wolff considera que o gesto pode sair caro à equipa nas contas finais do título, por outro referiu que "não há muitas escuderias que atuem ou tenham atuado desta maneira".

"O nosso propósito é sempre ganhar pelo caminho correto. Mas às vezes fazê-lo desta maneira e com valores é muito duro e por isso senti-me horrível com o que fez Hamilton", admitiu Wolff.

Recorde-se então que no circuito Hungaroring, o piloto britânico estava na 4ª posição a meio da corrida e pediu ao seu companheiro de equipa, Valtteri Bottas, que na altura era 3º, que o deixasse passar para tentar ‘apanhar’ os dois Ferrari de Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen. Só que Hamilton não o conseguiu fazer e já praticamente com a meta à vista devolveu o gesto de fair play e o 3º lugar do pódio ao finlandês, terminando em 4º.

Toto Wolff considera que o gesto que dos seus pilotos pode custar o campeonato – afinal Lewis Hamilton ficou com menos 3 pontos no Mundial em relação ao líder Vettel, caso tivesse sido 3º na meta na Hungria –, mas destaca que o mesmo "reflete o espírito forte do grupo".

Ricciardo perdoa Verstappen

Se na Mercedes houve fair play entre colegas na pista, noutras equipas o bom ambiente só regressou horas depois. O australiano Daniel Ricciardo usou o Twitter para dizer que aceitou as desculpas do companheiro, o holandês Max Verstappen, depois de este ter provocado a sua desistência.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.