Coronavírus: Primeira prova do Mundial de Enduro Extremo em Portugal adiada

Ronda portuguesa deveria disputar-se de 8 a 10 de maio

• Foto: DR Record

A primeira prova do Campeonato do Mundo de Enduro Extremo prevista para Portugal foi adiada devido ao Covid-19, anunciou esta quarta-feira o promotor do campeonato.

A ronda portuguesa, sediada na localidade duriense de Lagares e com passagem pela Ribeira do Porto, deveria disputar-se de 8 a 10 de maio.

A decisão foi tomada pelo promotor do campeonato, a empresa WESS Promotion GmbH, em consonância com o organizador da Extreme XL Lagares.

Nesta altura, as duas entidades procuram uma data alternativa no mês de outubro.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou quarta-feira o número de casos confirmados de infeção para 642, mais 194 do que na terça-feira. O número de mortos no país subiu para dois.

Dos casos confirmados, 553 estão a recuperar em casa e 89 estão internados, 20 dos quais em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI).

O boletim divulgado pela DGS assinala 5.067 casos suspeitos até quarta-feira, dos quais 351 aguardavam resultado laboratorial.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Motociclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.