Miguel Oliveira vence na República Checa e assume liderança do Mundial de moto2

Português partiu do 4.º lugar da grelha

A carregar o vídeo ...
Miguel Oliveira impede queda com grande mestria

Miguel Oliveira vence o GP da República Checa e assume a liderança do mundial de Moto2, com 166 pontos. O português supera Francesco Bagnaia, tendo agora mais dois pontos do que o piloto italiano, que terminou a prova no circuito de Brno na terceira posição, atrás de Luca Marini (2.º classificado). Esta foi a segunda vitória de Oliveira, depois do GP Itália, e a sexta vez que subiu ao pódio esta temporada.



19/19 - Oliveira responde ao ataque de Marini, passa para a frente e vence! Que grande corrida fez o português, que conquista assim a 2.ª vitória da época. 


18/19 - 
Miguel Oliveira e Luca Marini numa luta pela liderança da corrida, com o italiano a ganhar vantagem...

17/19 -
Oliveira a fazer uma grande corrida mantém-se na liderança, com Luca Marini a seguir atrás do português. Bagnaia volta a ser 3.º, após ultrapassagem a Baldassarri. 

16/19 -
O piloto português a conseguir aumentar a vantagem para Baldassarri, com Oliveira a rodar mais rápido do que os adversários.


15/19 -
Miguel Oliveira assume a liderança da corrida. Baldassarri é 2.º, Marini  3.º e Bagnaia segue na quarta posição.

14/19 -
Oliveira, na 2.ª posição, pressiona Baldassarri. 


13/19 -
Lorenzo Baldassarri assume a liderança da corrida... com Miguel Oliveira agora em 2.º lugar, após ataque bem sucedido a Marini e Bagnaia.

12/19 -
Danny Kent abandona a corrida. Bagnaia mantém-se na liderança, com Oliveira a descer para 4.º, após ultrapassagem de Lorenzo Baldassarri, que também passa por Marini.  

11/19 -
Tudo na mesma na frente da corrida: Francesco Bagnaia lidera, Luca Marini é 2.º e Oliveira segue no 3.º lugar.

10/19 -
Queda de Alex Márquez numa altura em que seguia atrás de Miguel Oliveira. Bagnaia é agora o líder da corrida, à frente de Luca Marini e do piloto português, que segue na 3.º posição.


9/19 -
Continua a luta na frente da corrida entre Luca Marini, Bagnaia e Miguel Oliveira. O português é agora terceiro, à frente de Alex Marquez.

8/19 -
Marini recupera o 1.º lugar, mas Oliveira continua a pressionar... e volta à liderança.


7/19 -
Miguel Oliveira assume a liderança da corrida. Na reta da meta, o piloto português consegue ultrapassar Luca Marini.

6/19 -
Oliveira já é 2.º, atrás de Marini, depois de ter ultrapassado Bagnaia. Vierge é 4.º e Alex Márquez é 5.

5/19 -
Luca Marini ultrapassa Bagnaia, com Miguel Oliveira a pressionar.

4/19 -
Bagnaia, Marini e Miguel Oliveira continuam na frente da corrida. 

3/19 -
Miguel Oliveira sobe ao terceiro lugar, com Bagnaia agora como 1.º, seguido de Marini. Alex Márquez é quarto, atrás do português.

2/19 -
Oliveira é quarto, com Luca Marini a liderar a corida, seguido de Bagnaia.


1/19  -
 Boa partida de Miguel Oliveira, que é terceiro à passagem pela curva 1. Joan Mir está fora da corrida com uma queda logo na primeira volta, liderada por Alex Márquez.

11H21 - Arranca a corrida.


11h18 - Pilotos iniciam a volta de aquecimento


Os pilotos já estão na grelha de partida, com Luca Marini a ocupar o 1.º lugar, seguido de Alex Márquez e Mattia Pasini; enquanto na segunda linha da grelha surge o português Miguel Oliveira, Marcel Schrotter e Francesco  Bagnaia.

No circuito de Brno, a corrida de Moto2 terá 19 voltas e Miguel Oliveira vai tentar repetir o pódio alcançado em 2017.


Miguel Oliveira tem este domingo oportunidade de chegar à liderança do mundial de Moto2. No Grande Prémio da República Checa, com início marcado para as 11h20, o piloto português, 2.º classificado com menos 7 pontos do que o líder Francesco Bagnaia, parte da 4.ª posição da grelha.

"Foi uma qualificação positiva. Mudámos a nossa estratégia para este fim de semana. Trabalhámos para melhorar a moto para uma volta rápida. No final tudo correu como esperado, mas claro que ter apenas 5 minutos para estabelecer uma marca significa que a minha volta teve erros e podia ter sido melhor. Comparada com as minhas posições na grelha das últimas corridas, é uma situação muito melhor. É o meu melhor resultado de qualificação da temporada, igualando o que conseguimos no Qatar, por isso estamos de volta à segunda linha e espero que isso seja o início de uma mudança e que possamos continuar neste sentido", declarou Oliveira após a qualificação.

"Sabemos que o calor será um fator que poderá ser decisivo. Temos um ritmo muito bom e sinto-me confortável, por isso teremos de gerir o aspeto físico da corrida da melhor forma possível para alcançar um bom resultado", referiu ainda.

O italiano Luca Marini sai da pole position, com Alex Márquez e Mattia Pasini a completar a primeira linha da grelha de partida. 

Já este domingo, no warm up para o GP da Rep. Checa, Miguel Oliveira evitou uma queda.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Motociclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0