GP de Aragão: Miguel Oliveira quer "somar bons pontos"

Prova arranca sexta-feira com a sessão de treinos livres

EPA
EPA

O piloto português Miguel Oliveira espera "somar bons pontos" no Grande Prémio de Aragão, 14.ª prova do Mundial MotoGP, que lhe permitam melhorar o atual quarto lugar no campeonato de Moto2.

"Espero um Grande Prémio difícil. Aparentemente, as previsões apontam para calor, mas estou motivado, sobretudo para terminar a corrida a somar bons pontos, antes de ir para a ronda asiática", disse o piloto da KTM, citado pela sua assessoria de comunicação.

Oliveira, vice-campeão mundial de Moto3 em 2015, está a 82 pontos do líder da categoria intermédia, o italiano Franco Morbidelli, muito por força dos maus resultados registados nas últimas três provas (oitavo lugar na Grã-Bretanha e abandonos na Áustria e em São Marino).

"Venci neste circuito em Moto3 e já tive o privilégio de, neste mesmo circuito, pilotar a KTM R16 de MotoGP, mas em Moto2 vai ser a primeira vez", lembrou o piloto português, destacando o as "conclusões muito positivas" nos testes realizados em Valência.

Apesar de guardar boas recordações do circuito de Aragão na classe inferior, foi também no circuito de Alcañiz que Oliveira sofreu no ano passado um grave acidente, do qual resultou uma fratura na clavícula e a ausência em quatro provas do campeonato anterior.

O Grande Prémio de Aragão, 14.ª prova do Mundial de motociclismo de velocidade, arranca na sexta-feira, com as sessões de treinos livres, estando a corrida Moto2 prevista para domingo, com início às 11H20 locais (10H20 em Lisboa).

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Motociclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.