Miguel Oliveira: «Estão todos a andar muito rápido»

Português foi 20.º na qualificação do GP das Américas

• Foto: D. R.

O português Miguel Oliveira (Kalex) destacou a competitividade na qualificação para o Grande Prémio das Américas de Moto2, terceira prova do Mundial de motociclismo de velocidade, assumindo-se insatisfeito com o 20.º lugar.

"Hoje a qualificação foi complicada. Tivemos uma melhoria significativa no meu tempo pessoal e por isso estou contente. Obviamente que a posição não me deixa feliz mas foi uma sessão muito competitiva, com muitos pilotos muito próximos do tempo da frente. Baixou-se o recorde da pista em mais de um segundo. O tempo que eu fiz hoje dava-me a sexta posição da grelha do ano passado", afirmou Miguel Oliveira, citado pela sua assessoria de imprensa.

O piloto almadense terminou a qualificação com o 20 .º tempo (2.10,405 minutos), ao gastar mais 1,555 segundos do que o espanhol Alex Rins (Kalex), que assegurou a pole position com o tempo de 2.08,850.

"Este ano estão todos a andar muito rápido e é preciso tentar ser mais rápido hoje. Vou estar focado sobretudo no arranque e na primeira volta, recuperar posições e vai ser uma corrida muito física, muito exigente. Espero não cometer nenhum erro. Vou tentar recuperar o máximo de posições possível", frisou o 16.º classificado do Mundial de Moto2.

O Grande Prémio das Américas de Moto2 está marcado para as 18H20 (hora de Lisboa), antes da prova de MotoGP, agendada para as 20 horas.

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Motociclismo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.