Marc Márquez já tem autorização para andar de mota outra vez

Piloto perdeu toda a temporada passada devido a uma lesão contraída na prova de abertura, em Jerez de la Frontera

• Foto: Reuters

O piloto espanhol Marc Márquez (Honda) já tem autorização médica para voltar a subir a uma mota, depois de três cirurgias feitas para debelar uma fratura do úmero do braço direito.

O piloto catalão, que perdeu toda a temporada passada devido a uma lesão contraída na prova de abertura, em Jerez de la Frontera, tem agora mais probabilidades de estar presente na jornada de abertura do campeonato de 2021, agendada para 28 de março, no Qatar.

"Na consulta das 14 semanas após a última operação devido a uma pseudoartrose infetada no úmero direito, a equipa médica, dirigida por Samuel Antuña e Ignacio de Oña, constatou clínica e radiograficamente uma progressão satisfatória da consolidação óssea", anunciou esta sexta-feira a equipa do piloto espanhol, em comunicado.

Assim, a partir de agora Márquez tem autorização "para intensificar o programa de recuperação de força e mobilidade, com vista a voltar progressivamente a pilotar de forma competitiva", lê-se ainda.

Hoje, a caravana do Mundial termina a segunda bateria de testes de pré-temporada no circuito de Losail, no Qatar, que acolhe a jornada de abertura, ainda sem Márquez, que deverá recomeçar a andar numa mota de série antes de passar para o protótipo de MotoGP.

Portimão, no Algarve, acolhe a terceira ronda do Mundial em que participa também o português Miguel Oliveira (KTM), em 18 de abril.

Por Lusa
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de MotoGP

Notícias