Miguel Oliveira: «Segurar a mão do médico é diferente de pegar numa moto»

Piloto português vai fazer um teste amanhã para saber se compete domingo na Malásia

A carregar o vídeo ...
Miguel Oliveira sofre aparatoso acidente após forte rajada de vento na Austrália

Miguel Oliveira já recebeu alta médica e está autorizado a competir no GP Malásia, mas o piloto da Red Bull KTM Tech3 ainda não decidiu se vai fazer-se à pista no próximo domingo, pois não se sente a 100 por cento. O português sofreu uma queda na Austrália, lesionando-se em ambas as mãos, isto estando ainda a recuperar de uma mazela no ombro, 'adquirida' também numa queda em Silverstone.

"Os exames médicos estão concluídos e fui considerado apto para pilotar amanhã. Mas ainda não estou bem em cima da moto, por isso vou ter de dar umas voltas antes de tomar uma decisão. Talvez depois da primeira sessão de treinos livres", contou Miguel esta manhã aos jornalistas, em Sepang.

Para Miguel a primeira sessão de treinos livres será uma espécie de "teste de stress". "Segurar na mão do médico é diferente de pegar numa moto. Não estou, definitivamente, a 100 por cento", reconhece, adiantando: "Há o risco de cair outra vez e agravar a lesão, que foi o que me aconteceu."

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de MotoGP

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.