Coronavírus: Rali dos Açores remarcado para 17 a 19 de setembro

Devido à pandemia de Covid-19

• Foto: Azores Rallye

O Azores Rallye, prova pontuável para o Campeonato Europeu de Ralis (ERC) inicialmente marcada para 26 a 28 de Março, foi remarcado para 17 a 19 de setembro devido à pandemia de Covid-19, anunciou esta sexta-feira a organização.

"Originalmente agendado para 26 a 28 de março, constituindo-se como a jornada inaugural do Campeonato FIA da Europa de Ralis (FIA ERC) de 2020, o evento irá agora ser realizado entre 17 e 19 de setembro como a sexta prova do calendário desportivo daquela competição", lê-se no comunicado disponibilizado no site oficial da prova.

A mesma informação é confirmada pelo Campeonato Europeu de Ralis, que na página oficial dá conta da nova data do rali dos Açores e informa que o Rali do Chipre irá decorrer de 16 a 18 de outubro (uma semana depois do previsto), para que as equipas possam disputar as duas provas.

A organização do rali e o Campeonato Europeu ressalvam que a nova data terá de ser ainda validada pela Federação Internacional do Automóvel.

O Azores Rallye, marcado para a ilha de São Miguel, nos Açores, iria ser a prova inaugural do campeonato da Europa de Ralis (agora será o rali das Canárias, a decorrer em maio), sendo também uma prova pontuável para o campeonato de Portugal e o campeonato dos Açores de Ralis.

O adiamento do Azores Rallye foi anunciado na quinta-feira de manhã, depois de, na quarta-feira, o presidente do Governo Regional dos Açores Vasco Cordeiro ter recomendado o adiamento de todos eventos promovidos por entidades públicas ou privadas.

O Governo dos Açores declarou também o estado de alerta no arquipélago até ao dia 31, não excluindo a prorrogação deste prazo ou a passagem às fases seguintes previstas no plano relativo ao surto de Covid-19, nomeadamente o estado de contingência.

Nos Açores, não há ainda registo de casos positivos no que refere a esta pandemia.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 5.100 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia.

O número de casos confirmados em Portugal de infeção subiu hoje para 112, mais 34 do que os contabilizados na quinta-feira, e os casos suspeitos duplicaram para 1.308.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ralis

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.