Ott Tanak roubou a liderança ao companheiro de equipa no rali da Grã-Bretanha

Estónio aumentou para 3,4 segundos a vantagem sobre o segundo classificado, o francês Sébastien Ogier (Citroën C3)

• Foto: EPA

O estónio Ott Tanak (Toyota Yaris) terminou, esta sexta-feira, a primeira etapa do rali da Grã-Bretanha, 12.ª prova do Mundial, na frente da qualificação, depois de destronar o colega de equipa Kris Meeke (Toyota Yaris).

Tanak passou o irlandês na nona e última especial desta sexta-feira, na segunda passagem por Aberhirnant, com dez quilómetros de extensão, passando de uma desvantagem de seis décimos de segundo para uma vantagem de 3,4 segundos sobre o segundo classificado, o francês Sébastien Ogier (Citroën C3).

"Foi muito stressante. Na especial anterior ficámos sem luzes e tivemos muito trabalho para fazer na ligação. Felizmente havia iluminação nesta última especial", disse o estónio.

Kris Meeke baixou para a terceira posição, a 3,6 segundos de Tanak, depois de ter feito um pião na penúltima especial do dia. Já Ogier teve "um dia bom", pois está "na luta pela vitória". Enquanto que o norueguês Petter Solberg (VW Golf), campeão mundial em 2003 e que faz aqui a despedida das provas, baixou de terceiro ao 13.º lugar.

Pelo caminho ficou logo de manhã o finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota Yaris), devido a um violento despiste seguido de capotamento.

No sábado disputam-se 151 quilómetros divididos por sete especiais cronometradas.

Por Record com Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ralis

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.