Rali da Argentina: Thierry Neuville triunfa por sete décimos

Belga venceu prova sul-americana 'in-extremis'

• Foto: EPA

O piloto belga Thierry Neuville (Hyundai) venceu este domingo 'in-extremis' o Rali da Argentina, impondo-se ao anterior líder, o galês Elfyn Evans (Ford), por menos de um segundo.

Evans liderou toda a competição, mas não resistiu aos ataques de Neuville que, por uma margem de sete décimos, conquistou assim o seu quatro triunfo no Mundial de ralis, o segundo consecutivo depois do êxito na Córsega. Neuville, de 28 anos, partiu para o último troço cronometrado a seis décimos de segundo de Evans, mas conseguiu reverter a história a seu favor.

O pódio ficou completo pelo estónio Ott Tanak, a 29,9 segundos, sendo que o francês Sébastien Ogier (Ford), tetracampeão do Mundo e que tinha sido o único a ir ao pódio nas quatro provas anteriores, foi apenas quarto, a 1.24,07, à frente do finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota).

Ogier conserva a liderança do Mundial com 102 pontos, com 16 de vantagem para Latvala e 18 sobre Thierry Neuville.

Esta é a primeira vez que um piloto repete o triunfo esta época, já que Ogier venceu em Monte Carlo, Latvala na Suécia e Meek no México, sendo que Neuville se impôs agora na Córsega e na Argentina.

O campeonato prossegue agora no Rali de Portugal, cuja 51.ª edição se realiza entre 19 e 21 de maio.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ralis

Notícias

Notícias Mais Vistas