Fernando Gomes diz que Portugal perdeu um dos maiores atletas

Presidente da FPF diz que piloto era "exemplo de tenacidade e desportivismo"

• Foto: Lusa/EPA

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, disse que o desporto português perdeu este domingo um dos seus maiores atletas, com a morte de Paulo Gonçalves na sétima etapa do Rali Dakar de todo-o-terreno.

Numa mensagem publicada no site da FPF, Fernando Gomes refere que "o desporto português perdeu um dos seus maiores atletas", lembrando que "Paulo Gonçalves foi sempre um símbolo de talento, vocação, persistência e coragem".

"Um exemplo de tenacidade e também de desportivismo", recorda o líder da FPF, destacando "os resultados alcançados por Paulo Gonçalves que o tornaram uma referência na modalidade, mas também o exemplo de inspiração que representou o seu trajeto de desportista".

O 'motard' Paulo Gonçalves faleceu na sequência de uma queda durante a sétima de 12 etapas da 42.ª edição do Rali Dakar de todo-o-terreno, na Arábia Saudita.

De acordo com a informação da Amaury Sport Organization (ASO), o alerta foi dado às 10:08 horas locais, menos três em Lisboa.

Foi enviado de imediato um helicóptero que chegou junto do piloto às 10h16, tendo encontrado Paulo Gonçalves inconsciente e em paragem cardiorrespiratória.

"Depois de várias tentativas de reanimação no local, o piloto foi helitransportado para o hospital de Layla, onde foi confirmada a morte", referiu a organização.

Paulo Gonçalves participava no Dakar pela 13.ª vez desde 2006, ano de estreia na prova.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Dakar

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.