Honda presta última homenagem a Paulo Gonçalves: «Nunca te esqueceremos»

Piloto português morreu este domingo, aos 40 anos, na 7.ª etapa do Rally Dakar

• Foto: EPA

A equipa Monster Energy Honda disse este domingo que nunca esquecerá o "amigo" Paulo Gonçalves, horas depois de o piloto português ter morrido na sétima etapa da edição 2020 do Rali Dakar de todo-o-terreno.

"O nosso amigo e antigo corredor da Team HRC (2013-2019) Paulo Gonçalves morreu hoje durante a sétima etapa do Rali Dakar de 2020. A equipa Monster Energy Honda queria estender as condolências à sua família e amigos. Descansa em paz, Paulo. Nunca te esqueceremos", lê-se numa mensagem da equipa nipónica na rede social Twitter.

O motard Paulo Gonçalves faleceu hoje na sequência de uma queda durante a sétima de 12 etapas da 42.ª edição do Rali Dakar de todo-o-terreno, na Arábia Saudita.

De acordo com a informação da Amaury Sport Organization (ASO), o alerta foi dado às 10:08 horas locais, menos três em Lisboa.

Foi enviado de imediato um helicóptero que chegou junto do piloto às 10:16, tendo encontrado Paulo Gonçalves inconsciente e em paragem cardiorrespiratória.

"Depois de várias tentativas de reanimação no local, o piloto foi helitransportado para o hospital de Layla, onde foi confirmada a morte", referiu a organização.

Paulo Gonçalves, que foi segundo na edição de 2015, participava no Dakar pela 13.ª vez desde 2006, ano de estreia na prova.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Dakar

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.