Record

Passar por cima

• Foto: DR Record
O que o Martin Van Den Brink fez a Elisabete Jacinto na primeira etapa não tem classificação. Não tem o ato nem teve a prova, que acabou por ver anulada a primeira tirada, abafando um caso que não foi de não saber ganhar nem de não saber perder. Foi não saber competir.

O camião da Mamoet Rallysport tem tudo, incluindo a inveja dos restantes participantes. Mas na sexta-feira faltou-lhe uma coisa: um piloto à altura. Abalroar duas vezes um rival porque se estava "um pouco excitado" – foram estas as palavras do diretor de equipa – é sinal de que as faculdades cognitivas do piloto não acompanharam a destreza da sua máquina.

Mas se Brink ‘passou por cima’ de Jacinto na primeira etapa, ontem a portuguesa ‘passou por cima’ de toda a gente, incluindo do holandês. E de um modo bem mais elegante.

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Libya Rally'2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

M