Lilly King cumpre promessa de levar Lazor a Tóquio

Campeã olímpica foi a 'responsável' de manter a amiga nas piscinas após a morte do pai em abril

O desporto vai sempre muito para além do que aquilo que se vê na televisão. Nos Estados Unidos, na prova que qualifica os atletas do país para os Jogos Olímpicos de Tóquio, assistiu-se a mais um momento emocionante onde a vida privada e a alta competição se misturam.

Tudo porque Lilly King, campeã olímpica dos 100 bruços no Rio de Janeiro'2016, tinha prometido que iria ajudar a colega Annie Lazor a qualificar-se para Tóquio, depois da sua amiga ter perdido o pai em abril, devido a cancro. E, ora, o momento concretizou-se e Lazor venceu os 200 metros bruços (2:21.07 minutos), batendo Lilly King (foi segunda, com 2:21.75 minutos), e confirmou a tão ambicionada ida aos Jogos Olímpicos de Tóquio. No final, as duas abraçaram-se a chorar num momento que se tornou viral e que emocionou o país, todos os amantes da modalidade e do desporto.

Quando o pai de Annie morreu a 25 de abril, King mudou-se para Michigan para estar com Lazor e a sua família, prometendo à mãe da amiga que tudo faria para que a sua filha não desistisse do sonho de ir aos Jogos, mantendo-a a treinar forte com o foco em Tóquio.

"A Lilly esteve comigo de uma maneira que não posso descrever. É a minha família, fora da família", disse a emocionada Lazor, depois de brilhar na sua primeira prova após a morte do pai.

Em 2016, Lazor falhou a qualificação para o Rio de Janeiro e chegou mesmo a deixar a sua licenciatura, começando a trabalhar na área do desporto.

Por Diogo Jesus
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Natação

Notícias

Notícias Mais Vistas