Record

Festa na despedida

PELOS TRILHOS DO MUNDIAL

Oak Vallley - Lourensford, 65km, 1.650m desnível acumulado

A última etapa foi efetuada em ambiente de festa permanente. Apesar das dificuldades esperadas, a proximidade da meta que atraiu 627 duplas fez crescer a motivação e boa disposição.

Passámos novamente por paisagens deslumbrantes, com uma subida de 10 km sobre pedra solta em que o pelotão seguiu em fila indiana a 7-8km/h, obrigando a mais de uma hora para este difícil segmento. Seguiu-se a passagem pelo "Gamtoe pass", ponto de passagem obrigatório em todas as edições, constituído por uma descida de 1.400m sobre rochas, em que todos os ciclistas têm obrigatoriamente de circular com a bicicleta pela mão. No final, milhares de espectadores à espera dos ciclistas para a entrega das medalhas e camisolas.

Dois dos grandes objetivos que nos trouxeram para esta "aventura" foram podermos tirar mais informações sobre o treino necessário para este tipo de competições e a busca constante dos nossos próprios limites. Relativamente ao primeiro objetivo, tudo ficou muito mais claro e sentimos que temos, neste momento, muito mais capacidade no âmbito do treino para este tipo de competições por etapas, com tanta exigência física devido aos segmentos extremamente técnicos e longa duração diária de esforço.

Outro dos objetivos prende-se com a busca permanente dos nossos próprios limites. Admito que terei provavelmente encontrado o meu limite para o estado atual de preparação...O António poderia em algumas etapas andado mais, mas a beleza desta competição também passa por aí, em que o ritmo é decidido a dois e os problemas são resolvidos a dois, tal como a satisfação de cortar a meta é provavelmente a dobrar!

Queremos também deixar os nossos agradecimentos a todos aqueles que nos apoiaram neste projeto, e um grande abraço às restantes duplas portuguesas que apesar de todas as dificuldades pelas quais passaram, nunca desistiram e demonstraram toda capacidade de entrega dos portugueses. Dez tomaram a partida e dez terminaram! Obrigado aos nossos companheiros destes últimos 8 dias pelos inesquecíveis momentos de convívio que nos proporcionaram. À Celina Carpinteiro e Valério Ferreira(BTT Loulé / Loulé Concelho); Pedro Lourenco e André Pinto (Aventura Gislotica/Bicicar/Sysmo); Sérgio e Paulo Martins (Trilhos da Maria/Sondagens Batalha); Daniel Jesus e Nuno Venâncio (Guia F.C. - Albufeira), um grande abraço.

Agora que o Cape Epic terminou, poucas semanas faltam para o maior acontecimento desportivo do ano. Estamos convictos que o Campeonato do Mundo de Futebol irá ser uma das melhores organizações de sempre, pelo menos no que respeita à satisfação de quem vier até à África do Sul apoiar a sua seleção. A simpatia, espírito de ajuda, cordialidade são apenas alguns dos adjetivos que atribuir ao povo sul-africano.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de BTT Cape Epic

Notícias

Notícias Mais Vistas

M