Eddie Jones mantém-se como selecionador de râguebi de Inglaterra até 2023

Australiano, de 60 anos, é o treinador de râguebi mais bem pago do mundo

• Foto: Reuters

O selecionador australiano Eddie Jones vai manter-se até 2023 no cargo de selecionador de râguebi da Inglaterra, finalista vencida no último Campeonato do Mundo, anunciou esta quinta-feira a federação inglesa da modalidade, em comunicado.

Jones, que chegou à 'equipa da rosa' em 2015, soma 42 vitórias, 11 derrotas e um empate em 54 jogos, o que o torna o selecionador com maior percentagem de vitórias (78%) ao serviço da seleção inglesa.

Eddie Jones, que se manterá no cargo até ao Mundial de 2023, a disputar em França, levou os ingleses à conquista de dois Torneios das Seis Nações, e igualou o recorde de vitórias consecutivas (18), que pertencia à Nova Zelândia.

"É muito importante que a equipa continue a progredir e estou completamente concentrado nesse objetivo", afirmou o técnico, em declarações à federação, garantindo que quer fazer da Inglaterra "a melhor equipa de sempre".

O australiano, de 60 anos, é o treinador de râguebi mais bem pago do mundo, com um salário anual a rondar os 825.000 euros, que aceitou reduzir durante três meses devido à crise financeira provocada pela pandemia da covid-19.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Râguebi

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0