Kikas de olho no Havai

Eliminado em Peniche, já pensa nas provas do Mundial de qualificação, em novembro

• Foto: Lusa

Frederico ‘Kikas’ Morais foi ontem eliminado do Meo Rip Curl Pro Portugal, que está a decorrer em Peniche. A prova começou cedo, mas com nova localização. As ronda 2 e 3 do campeonato decorreram no Point Fabril, devido às melhores condições do mar, e é lá que a prova deve continuar hoje.

O surfista do Guincho entrou apenas na 3ª fase e, apesar de ter feito logo duas ondas, a resposta de John John Florence foi fatal. O havaiano - que é o atual líder do ranking - fez um score total de 16,27 pontos (em 20 possíveis) contra os 13,30 pontos do português.

O ‘tomba-gigantes’ que em anos anteriores já eliminou da prova, por exemplo, o onze vezes campeão do Mundo Kelly Slater, ou o australiano Mick Fanning, não conseguiu, desta vez, superar o havaiano, que aliás se pode mesmo sagrar campeão mundial em Peniche. "Sabia que ia ser difícil. O John John está em grande forma, é um grande surfista. Estão boas ondas, e eu sabia que tinha de apanhar as melhores. Só que não consegui encontrá-las", disse o surfista do Guincho após a derrota, confessando que, ainda assim, esta prestação o deixa mais moralizado para as três provas de qualificação em que ainda vai participar em Florianópolis, no Brasil, e em Oahu, no Havai. "Vou para lá moralizado, mais confiante, mais feliz e contente com o surf que fiz aqui. Recebi muitos comentários a darem-me força. Vou dar tudo por tudo no Mundial de qualificação, que é o meu foco", disse.

Em 2014, em Oahu, no Havai, Kikas chegou às meias-finais e no ano anterior tinha mesmo ido à final da prova, terminando no 4º lugar. Nesse ano derrotou John John Florence por três vezes. Desta vez não conseguiu e o havaiano continua na corrida pelo título.

A mudança de praia trouxe melhores ondas e a prova está nas pontuações de alguns surfistas. Em destaque ontem estiveram, por exemplo, o tahitiano Michel Bourez e o sul-africano Jordy Smith que fizeram as melhores ondas do dia: 9,70 pontos, em dez possíveis. De notar também que Gabriel Medina foi eliminado ontem. O brasileiro, que também estava na corrida pelo seu segundo título, vê assim as contas ficarem mais complicadas.

Por Patrícia Tadeia
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Surf

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.