Norte-americano Justin Quintal sagra-se campeão mundial de longboard

Título feminino ainda está por decidir na prova que decorre em Taiwan

• Foto: Instagram

O norte-americano Justin Quintal sagrou-se esta madrugada de sexta-feira campeão mundial de longboard. Este é o primeiro título mundial da carreira para Quintal, que nem precisou de esperar pelo fim da etapa decisiva, que está a decorrer em Taiwan, para celebrar o triunfo.

Apesar de sempre se ter dado a conhecer mais fora das competições da WSL, Quintal foi um verdadeiro dominador em 2019. Em 2014 o longboarder norte-americano tinha sido 3.º no Mundial disputado na China, mas nos últimos cinco anos não havia entrado em qualquer prova do circuito mundial.

Contudo, esta temporada entrou com tudo, vencendo as provas de 6000 mil pontos em Noosa, na Austrália e também em Pantín, na Galiza. Em Taiwan acabou por garantir o título com a chegada aos quartos-de-final, beneficiando das eliminações na 3.ª ronda do havaiano Kaniela Stewart, que perdeu para o britânico Ben Skinner, e ainda do sul-africano e campeão mundial de 2018, Steven Sawyer.

Com um novo formato em 2019, o circuito mundial de longboard coroou já o novo campeão mundial. Depois de três etapas de 6000 mil pontos – a de Nova Iorque tinha sido vencida por Stewart, com Quintal a ser 9.º -, a finalíssima disputa-se em Taiwan e vale 10 mil pontos para o novo ranking que define a hierarquia mundial.

Na prova feminina ainda não há campeã mundial, com a prova parada a estar a caminho dos quartos-de-final. A brasileira Chloe Calmon lidera o ranking destacada e já garantiu a passagem aos quartos-de-final, tal como a havaiana Honolua Bloomfield, campeã mundial de 2017 e grande rival na luta pelo título. Ambas procuram suceder à norte-americana Soleil Enrico, que já ficou pelo caminho em Taiwan.

Por João Vasco Nunes
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Surf

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.