Teresa Bonvalot volta a vencer na Caparica e Yolanda bate na trave

Luís Perloiro foi o melhor português na prova masculina

• Foto: WSL
Não há duas sem três! Teresa Bonvalot revalidou, este sábado, o título do Caparica Surf Fest, ao levar a melhor no dia final disputado na Praia do Paraíso. Foi o terceiro triunfo consecutivo de Teresa no QS europeu, depois de já ter conquistado o título europeu por antecipação. Um desfecho que acabou por ter implicações nas contas finais da qualificação para as Challenger Series 2022, com Yolanda Hopkins a falhar o cut por apenas uma posição, depois de ter sido eliminada pela compatriota nas meias-finais.

Com um mar bastante complicado, fruto da tempestade que está prestes a chegar à costa portuguesa, as ondas da Caparica ofereceram, sobretudo, junções para os surfistas atacarem com manobras power. Do lado feminino Teresa conseguiu fazê-lo desde o início da manhã até ao final do dia, repetindo o triunfo que já tinha conseguido nesta prova em 2021. Nessa altura estreava-se a vencer no QS. Agora, já leva quatro triunfos, três nas três etapas finalizadas na presente temporada – só não venceu o QS de Anglet, em França, que não chegou ao fim por falta de ondas.

Tudo começou com um triunfo frente à basca Ariane Ochoa nos quartos-de-final. Nessa mesma fase Yolanda Hopkins mostrou todo o seu power e venceu o duelo lusitano frente a Mafalda Lopes. No quarto heat dos quartos-de-final, Kika Veselko não fez melhor que Mafalda, sendo eliminada pela francesa Maud Le Car. Uma situação que fez com que as duas jovens portuguesas terminassem empatadas na vice-liderança do ranking europeu, com Teresa isoladíssima numa liderança que já tinha sido carimbada após o triunfo em Israel.

Dessa forma, nas meias-finais Teresa e Yolanda enfrentaram-se com muito em jogo para a surfista algarvia, que só necessita de chegar à final para garantir também ela um lugar no top 7 europeu e, consequentemente, uma vaga para as Challenger Series deste ano, juntando-se, assim, ao trio de compatriotas. Só que Teresa Bonvalot não tirou o pé do acelerador, encontrando as melhores ondas da bateria e conseguindo um triunfo sólido.

Foi o fim do sonho para Yolanda, que bateu na trave por apenas 95 pontos, com a alemã Rachel Presti a fechar o top 7 europeu. Ou talvez não, pois o facto de Yolanda ser a primeira do ranking após o cut, aliado ao currículo que incluiu um 5.º lugar olímpico e a boa prestação nas Challenger Series do ano passado, devem valer-lhe uma vaga de substituta, dependendo das ausências entre as surfistas da elite mundial nas etapas das Challenger Series.

Na final Teresa Bonvalot teve pela frente a experiente francesa Maud Le Car e ambas proporcionaram um duelo explosivo. Apesar do equilíbrio, Teresa assumiu a liderança a meio da disputa, terminando a bateria decisiva com 14,70 pontos, mais 0,67 que a surfista gaulesa. Depois de ter vencido a prova dos Açores e de Israel, Bonvalot completou o ramalhete com mais um triunfo na Caparica. Algo que a comprova como a melhor surfista europeia da atualidade e uma das grandes candidatas a uma vaga na elite mundial de surf em 2023, com as Challenger Series a iniciarem-se já em maio na Austrália.

Uma vez que esta era a última etapa do circuito europeu feminino de 2021/22, as oito surfistas qualificadas para as Challenger Series 2022 ficaram assim definidas. Além das sete primeiras do ranking, também a francesa e antiga campeã mundial júnior Vahine Fierro garantiu uma vaga, por receber um wildcard da WSL Europa.  

Teresa Bonvalot (PRT)
Mafalda Lopes (PRT) 
Francisca Veselko (PRT) 
Nadia Erostarbe (ESP) 
Pauline Ado (FRA)
Garazi Sanchez Ortun (ESP)
Rachel Presti (ALE)
*Vahine Fierro (FRA)

* wildcard 

Apesar da enorme demonstração de poder das surfistas portuguesas na Caparica, os homens não conseguiram seguir-lhes o exemplo. A ação arrancou bem cedo com a ronda 5 masculina, mas dos seis surfistas portugueses ainda em prova apenas Luís Perloiro conseguiu avançar para a ronda 6, onde acabou por ser eliminado, fechando a prova no 9.º lugar final.

A prova masculina foi fortemente dominada pela brigada francesa e o líder do ranking Maxime Huscenot repetiu na Caparica aquilo que já tinha feito nos Açores, conseguindo o segundo triunfo da temporada e selando o título europeu. O antigo campeão mundial júnior, que na final da Praia do Paraíso teve uma prestação imaculada, sucedeu a Vasco Ribeiro. Com 18,34 pontos somados, Huscenot superou o brasileiro Lucas Silveira no heat decisivo.

O circuito masculino tem ainda mais uma etapa, que começa já para a semana em Santa Cruz. Os surfistas portugueses estão muito longe do cut, que fecha após o 9.º posto, mas ainda têm possibilidades de se qualificarem para as Challenger Series, uma vez que ainda há 3000 mil pontos em disputa nessa etapa. Pedro Henrique é atualmente o melhor representante nacional no ranking, no 15.º posto, mas já a 1300 pontos do cut.

Apesar do mau momento dos surfistas nacionais, há vários nomes ainda na luta, embora quase todos precisem de um grande resultado, como vencer em Santa Cruz. Além de Pedro Henrique, Francisco Almeida, Guilherme Fonseca, Vasco Ribeiro – deverá estar salvaguardado pelo wildcard da WSL Europa, que ainda não foi atribuído -, Luís Perloiro e Guilherme Ribeiro são os nomes ainda na luta.

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST MEN’S FINAL RESULTS:
1 - Maxime Huscenot (FRA) 18.34
2 - Lucas Silveira (BRA) 13.77

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST WOMEN’S FINAL RESULTS:
1 - Teresa Bonvalot (PRT) 14.70
2 - Maud Le Car (FRA) 14.03

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST MEN’S SEMIFINAL RESULTS:
SF 1: Lucas Silveira (BRA) 17.06 def. Gatien Delahaye (FRA) 16.90
SF 2: Maxime Huscenot (FRA) 16.43 def. Marco Mignot (FRA) 12.67

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST WOMEN’S SEMIFINAL RESULTS:
SF 1: Teresa Bonvalot (PRT) 15.33 def. Yolanda Hopkins (PRT) 7.94
SF 2: Maud Le Car (FRA) 13.33 def. Vahine Fierro (FRA) 13.06

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST MEN’S QUARTERFINAL RESULTS:
QF 1: Lucas Silveira (BRA) 15.17 def. Adur Amatriain (EUK) 14.40
QF 2: Gatien Delahaye (FRA) 15.24 def. Thomas Debierre (FRA) 13.77
QF 3: Marco Mignot (FRA) 13.10 def. Ramzi Boukhiam (MAR) 13.00
QF 4: Maxime Huscenot (FRA) 15.26 def. Ian Fontaine (FRA) 12.04

ESTRELLA GALICIA CAPARICA SURF FEST WOMEN’S QUARTERFINAL RESULTS:
QF 1: Teresa Bonvalot (PRT) 11.67 def. Ariane Ochoa (EUK) 7.17
QF 2: Yolanda Hopkins (PRT) 16.33 def. Mafalda Lopes (PRT) 14.17
QF 3: Vahine Fierro (FRA) 14.94 def. Pauline Ado (FRA) 9.84
QF 4: Maud Le Car (FRA) 13.93 def. Francisca Veselko (PRT) 10.34
Por João Vasco Nunes
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Surf

Notícias