Federer não tem vontade de voltar aos treinos

Tenista suíço não joga desde janeiro

• Foto: EPA

Roger Federer, de 38 anos, está sem competir desde as meias-finais do Open da Austrália. Foi operado ao joelho direito, não competiu no mês de fevereiro e viu o circuito ser entretanto suspenso pela pandemia. Agora que está autorizado a voltar aos treinos, o helvético, número quatro ATP, não vê razão nenhuma para fazê-lo.

Em declarações a um programa da Sport TV Brasil, Federer deu detalhes sobre a sua quarentena e assumiu que (ainda) não tem saudades do ténis. "Não estava tanto tempo seguido em casa desde 2016. Estamos saudáveis, os nossos amigos e família não tiveram o coronavírus e isso é o que realmente importa. Estamos bem, tendo em conta as circunstâncias. Eu não estou a treinar neste momento porque não vejo razão para isso. Estou feliz com o meu corpo nesta altura e acredito que ainda falta muito tempo para voltarmos a jogar. É importante para a minha cabeça neste momento aproveitar esta paragem depois de jogar tanto ténis na minha vida. Não tenho saudades do ténis. Acredito que vá ter em breve..."

Federer espera que o circuito não volte sem público. "Prefiro esperar mais uns tempos e voltar, pelo menos, com meia lotação nos estádios."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Ténis

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.