Roger Federer tranquilo na debandada

Venceu ontem o seu primeiro encontro desde que celebrou 38 anos

• Foto: USA Today Sports

Roger Federer, nº 3 mundial, venceu ontem o seu primeiro encontro desde que celebrou 38 anos (a 8 de agosto) e avançou para os oitavos-de-final do ATP Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos.

O suíço, já recuperado da traumática derrota na final de Wimbledon diante de Novak Djokovic, em que dispôs de dois match-points, despachou o argentino Juan Ignacio Londero, por 6-3 e
6-4, em 61 minutos, marcando duelo hoje com o russo Andrey Rublev, de 21 anos.

No final, Federer, sete vezes campeão desta prova, mostrou-se feliz com as condições de jogo. "Os courts estão muito rápidos. Quase não houve trocas de bolas no primeiro set. Foi tudo ‘bang-bang ténis’. Muitos pontos curtos", admitiu o tenista helvético sobre condições que o favorecem, em teoria.

Em sentido inverso, vários tenistas do top 10 mundial perderam de entrada. Kei Nishikori (5º) e Stefanos Tsitsipas (7º) ficaram de fora logo no seu primeiro encontro, ao passo que Stan Wawrinka também caiu na segunda ronda.

Na prova feminina, Serena Williams não recuperou da lesão nas costas que a obrigou a desistir a meio da final de Toronto... e também não jogou em Cincinnati. Ash Barty bateu Sharapova.

Por José Morgado
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ténis

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.