Roger Federer denuncia pressão de Piqué

Em causa está a Taça Davis

• Foto: EPA

Roger Federer não deverá participar na primeira edição das Davis Cup Finals, agendadas para novembro de 2019, e não gostou da forma como o processo foi conduzido, nem como foi tratado por Gerard Piqué, um dos promotores da nova competição.

"Deram-me três dias para decidir. Achei pouco, não dava tempo para consultar as pessoas que eu entendia que deveria consultar. Foi tudo demasiado rápido e mandei-os fazer o que entendessem. Não gosto de ser pressionado", assegurou o suíço, que não joga a Davis no seu formato atual desde 2015.

Recorde-se que Piqué foi a Xangai para se reunir com alguns jogadores, mas Federer recusou o encontro. Piqué insinuou depois que as pernas de Federer "já dão para o que dão" e o suíço ironizou e disse perceber que lhe chamaram "velho".

Portugal hoje em ‘jogo’

Entretanto, Portugal fica hoje a conhecer (9h30) o seu adversário na fase de qualificação das Davis Cup Finals. Os cenários são dois: Canadá em casa ou Cazaquistão fora. O nosso selecionador também será revelado hoje, às 11h30.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ténis

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.