Record

Volvo Ocean Race: Dongfeng sai de Lisboa na liderança

Embarcações largaram este domingo do Tejo rumo à África do Sul

Barco da equipa Dongfeng
• Foto: Reuters
O barco chinês Dongfeng saiu na liderança da segunda etapa da Volvo Ocean Race 2017-2018, que liga Lisboa à Cidade do Cabo, com a embarcação portuguesa a passar em sexto no Tejo rumo à África do Sul.

À despedida da capital portuguesa, com ventos de nordeste entre os 14 e os 18 nós (25 e 33 quilómetros/hora), a Team Brunel, que venceu na sexta-feira a corrida de porto disputada nas águas lisboetas do Tejo, saiu na segunda posição, a 0,2 milhas náuticas do barco chinês.

A bordo da embarcação portuguesa Turn the Tide on Plastic no trajeto até à Praça do Comércio, que antecedeu a partida da regata para a tirada de cinco mil milhas náuticas (cerca de 9.200 quilómetros) até à Cidade do Cabo, o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, saudou o "momento único".

"Foi excelente fazer esta entrada no Tejo com as embarcações já em regata e depois a passagem pelo Terreiro do Paço para a saída do rio é um momento único. Ver Lisboa a partir do Tejo e destas embarcações, a velocidade que atingem e o seu comportamento é verdadeiramente magnífico. Acho que todos estavam encantados com esta largada, com centenas de pessoas nos barcos, milhares nas margens e um dia fantástico", afirmou, citado em comunicado de imprensa da prova.

A Volvo Ocean Race é a maior competição de vela oceânica do mundo. Esta edição, que partiu de Alicante (Espanha), em 22 de outubro, tem chegada prevista para Haia (Holanda), a 30 de junho de 2018, depois de 11 etapas em 12 países, com um total de 83.400 quilómetros (45.000 milhas náuticas).
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Vela

Notícias

Notícias Mais Vistas

M