João Coelho e o título do Benfica: «Ganhou a melhor equipa. São os justos campeões»

Treinador do Fonte do Bastardo em declarações no final da partida

• Foto: Ricardo Jr / Record

O Fonte do Bastardo perdeu este domingo o terceiro jogo do playoff da final do campeonato nacional de voleibol, frente ao Benfica, e viu as águias serem coroadas bicampeãs da modalidade em masculinos.

Em declarações no final do encontro, João Coelho, treinador do Fonte do Bastardo, assumiu que o Benfica foi "a melhor equipa" e total merecedora de 'levantar' o título nacional.

"Ganhou a melhor equipa. São os justos campeões. Tivemos um trabalho muito árduo desde o dia 04 de agosto para chegar a este patamar, mas o adversário treina todo o ano para ganhar estas finais e nós tivemos de lutar muito e ultrapassar muita coisa, treinando para tentar chegar às finais", começou por dizer o técnico.

"Obviamente que a equipa mais forte venceu hoje, justamente, mais experiente nos momentos decisivos. Nós hoje demos uma resposta um pouco diferente. Acho que fomos mais próximos daquilo que podemos valer, ainda assim, a perder por 2-0 na eliminatória, é normal haver alguma ansiedade, com erros que não gostávamos que acontecessem, mas tenho de dar os parabéns a toda a equipa", continuou.

Parabéns aos jogadores, que foram "incansáveis" e "resilientes"

"Foram fabulosos, depois de um surto de covid-19 com 10 afetados, saíram para 15 vitórias em 17 (por 3-0 e 3-1) e chegaram a esta final. Tenho de lhes dar os parabéns, foram incansáveis, resilientes. Uns puxaram pelos outros, nem sempre dava para estarem todos no 'top', mas acho que o grupo está de parabéns pela época. Perdemos para quem foi melhor e para quem foi mais forte", concluiu.

Por Record com Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Voleibol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.