Miguel Maia não quer parar com 47 anos

Quatro décadas a jogar voleibol

• Foto: Simão Freitas

Um dia depois de o Sporting se colocar em vantagem no playoff do título de voleibol diante do Benfica (2-1), Miguel Maia voltou a ter motivos para festejar. É que ontem fez 47 anos, 40 deles passados a jogar. E não pensa ainda na reforma.

"Estou feliz por continuar a jogar. Sei que não tenho a idade de outros tempos, mas tenho ainda forças para manter-me em ação na modalidade pela qual tenho uma grande paixão", disse-nos o distribuidor, que começou a praticar voleibol com apenas 6 anos.

Miguel Maia recusa falar no playoff do título, mas garante que, independentemente do que acontecer – Sporting campeão ou não –, vai continuar a jogar... e quem sabe se não chegará aos 50, ele que já é hoje o mais velho voleibolista em atividade.

"Não tenho limites. Só espero ter saúde e que as pessoas continuem a apreciar o meu trabalho e a acharem que sou útil. Quando considerarem o contrário, não quero ser estorvo para ninguém". Os 47 anos, de resto, foram comemorados em família. "Por coincidência, foi o meu dia de folga", revela.

Com uma carreira repleta de sucessos, Miguel Maia estreou-se como jogador sénior aos 16 anos, na Académica de Espinho, equipa com a qual conquistou o seu primeiro título de campeão nacional.

Ao todo, soma 36 conquistas internas, a maioria com a camisola do Sp. Espinho: 11 campeonatos, sete Taças de Portugal e quatro Supertaças. Pelos tigres, Maia esteve ainda na vitória da Top Teams Cup (2001), única taça europeia de uma equipa portuguesa no voleibol.

Já com o Sporting, o passador procura o quarto título de campeão, na época de regresso do leão à modalidade.

A sua carreira fica ainda marcada pelos três JO na variante de praia, com João Brenha. Em Atlanta’1996 e Sydney’2000, a dupla ficou perto da medalha (4º)

Por Ana Paula Marques
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Voleibol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0