Yan Fangxu suspensa pela Agência Chinesa Antidopagem

Campeã olímpica de voleibol pela China acusou positivo num teste

• Foto: Getty Images

A chinesa Yan Fangxu, campeã de voleibol de voleibol nos Jogos Olímpicos Rio2016, foi suspensa por quatro anos por ter acusado positivo num controlo antidoping, anunciou esta quarta-feira a Agência Chinesa Antidopagem.

Fangxu, de 24 anos, acusou o consumo de EPO, substância proibida pelo código mundial antidopagem, durante um controlo fora de competição realizado em 11 de agosto de 2018.

Além da medalha de ouro olímpica, a voleibolista - que não poderá ajudar a China a defender o título em Tóquio2020 - também se sagrou vice-campeã mundial em 2014 e campeã nos Jogos Asiáticos em 2015.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Voleibol

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.