'Marca' aponta as contratações sonantes da época que mais desiludiram

Antoine Griezmann - O Barcelona pagou 120 milhões de euros ao Atlético Madrid e, depois de um bom arranque de época, o avançado francês foi perdendo protagonismo na equipa catalã. Até agora conta 14 golos em 43 jogos oficiais pelo Barça. 
Lucas Hernández - Deixou o Atlético Madrid e rumou ao Bayern Munique a troco de 80 milhões de euros. Teve uma época marcada por várias lesões e só atuou em 23 encontros com a camisola dos bávaros.
Matthijs de Ligt - A brilhante campanha pelo Ajax na Champions de 2018/19 levou a Juventus a pagar mais de 85 milhões de euros. O central holandês até jogou bastante (32 presenças em todas as provas) mas o rendimento não foi o esperado e em Itália há quem diga que pode deixar a vechia signora na próxima janela de transferências.
Frenkie de Jong - Outra das figuras do Ajax na caminhada até às 'meias' da Champions na época passada. Mudou-se para Barcelona a troco de 75 milhões de euros e, apesar de ser muito utilizado (38 jogos oficiais), não reúne consensos e há muitos que questionam se o estilo do médio holandês se adequa à filosofia culé.
Eden Hazard - O belga foi a contratação mais cara da história do Real Madrid (100 millhões de euros) mas teve 4 lesões desde que chegou ao Bernabéu e não conseguiu igualar o nível exibido durante 7 épocas no Chelsea. 
João Félix - Uma época estrondosa no Benfica convenceu o Atlético Madrid a pagar 126 milhões de euros para contratar o 'Golden Boy' de 2019. Até agora disputou 33 jogos, marcou 8 golos e teve que lidar com duas lesões, mas muitos defendem que a maior competitividade da liga espanhola em relação à portuguesa, aliada ao estilo de jogo de Simeone, não ajudaram o jovem português a afirmar-se por completo.
Antoine Griezmann - O Barcelona pagou 120 milhões de euros ao Atlético Madrid e, depois de um bom arranque de época, o avançado francês foi perdendo protagonismo na equipa catalã. Até agora conta 14 golos em 43 jogos oficiais pelo Barça. 
Lucas Hernández - Deixou o Atlético Madrid e rumou ao Bayern Munique a troco de 80 milhões de euros. Teve uma época marcada por várias lesões e só atuou em 23 encontros com a camisola dos bávaros.
Matthijs de Ligt - A brilhante campanha pelo Ajax na Champions de 2018/19 levou a Juventus a pagar mais de 85 milhões de euros. O central holandês até jogou bastante (32 presenças em todas as provas) mas o rendimento não foi o esperado e em Itália há quem diga que pode deixar a vechia signora na próxima janela de transferências.
Frenkie de Jong - Outra das figuras do Ajax na caminhada até às 'meias' da Champions na época passada. Mudou-se para Barcelona a troco de 75 milhões de euros e, apesar de ser muito utilizado (38 jogos oficiais), não reúne consensos e há muitos que questionam se o estilo do médio holandês se adequa à filosofia culé.
Eden Hazard - O belga foi a contratação mais cara da história do Real Madrid (100 millhões de euros) mas teve 4 lesões desde que chegou ao Bernabéu e não conseguiu igualar o nível exibido durante 7 épocas no Chelsea. 
João Félix - Uma época estrondosa no Benfica convenceu o Atlético Madrid a pagar 126 milhões de euros para contratar o 'Golden Boy' de 2019. Até agora disputou 33 jogos, marcou 8 golos e teve que lidar com duas lesões, mas muitos defendem que a maior competitividade da liga espanhola em relação à portuguesa, aliada ao estilo de jogo de Simeone, não ajudaram o jovem português a afirmar-se por completo.
Antoine Griezmann - O Barcelona pagou 120 milhões de euros ao Atlético Madrid e, depois de um bom arranque de época, o avançado francês foi perdendo protagonismo na equipa catalã. Até agora conta 14 golos em 43 jogos oficiais pelo Barça. 
Lucas Hernández - Deixou o Atlético Madrid e rumou ao Bayern Munique a troco de 80 milhões de euros. Teve uma época marcada por várias lesões e só atuou em 23 encontros com a camisola dos bávaros.
Matthijs de Ligt - A brilhante campanha pelo Ajax na Champions de 2018/19 levou a Juventus a pagar mais de 85 milhões de euros. O central holandês até jogou bastante (32 presenças em todas as provas) mas o rendimento não foi o esperado e em Itália há quem diga que pode deixar a vechia signora na próxima janela de transferências.
Frenkie de Jong - Outra das figuras do Ajax na caminhada até às 'meias' da Champions na época passada. Mudou-se para Barcelona a troco de 75 milhões de euros e, apesar de ser muito utilizado (38 jogos oficiais), não reúne consensos e há muitos que questionam se o estilo do médio holandês se adequa à filosofia culé.
Eden Hazard - O belga foi a contratação mais cara da história do Real Madrid (100 millhões de euros) mas teve 4 lesões desde que chegou ao Bernabéu e não conseguiu igualar o nível exibido durante 7 épocas no Chelsea. 
João Félix - Uma época estrondosa no Benfica convenceu o Atlético Madrid a pagar 126 milhões de euros para contratar o 'Golden Boy' de 2019. Até agora disputou 33 jogos, marcou 8 golos e teve que lidar com duas lesões, mas muitos defendem que a maior competitividade da liga espanhola em relação à portuguesa, aliada ao estilo de jogo de Simeone, não ajudaram o jovem português a afirmar-se por completo.
Protagonizaram algumas das maiores transferências no início da época mas ainda não convenceram totalmente os clubes (nem os adeptos dos mesmos) que pagaram verdadeiras fortunas para os incluir nas suas fileiras. O jornal 'Marca' escolheu os seis jogadores que mais decepcionaram em termos desportivos face ao investimento realizado. [Imagens: Reuters, Lusa/EPA e Action Images]
Deixe o seu comentário

Pub

Publicidade
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias

Fotogalerias

Fotogalerias

Sporting

Fotogalerias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0