Obesidade, cancro e jovens adultos

• Foto: Direitos Reservados

Olá a todos, bem-vindos a mais uma semana!

Hoje vou falar-vos sobre um assunto que li esta semana num artigo americano e que é das coisas que mais me preocupa atualmente na saúde da população em geral: a relação entre a obesidade, o cancro e a incidência de cancro em adultos cada vez mais jovens.

Apesar de nas últimas décadas terem sido feitos grandes progressos na luta contra o cancro, este novo padrão perturbador está a surgir em adultos jovens: quanto mais jovem a geração, maior o risco de desenvolver determinados tipos de cancro - especialmente os cancros associados à obesidade, como o do cólon e o do pâncreas. Vários tipos de cancro relacionam-se com excesso de peso corporal, e o aumento da obesidade em idades mais jovens significa uma exposição mais longa na vida aos efeitos metabólicos negativos da obesidade.

Os investigadores da American Cancer Society recolheram dados de 25 registos estatais de cancro em pessoas entre os 25 e os 84 anos diagnosticadas com qualquer tipo de cancro entre 1995 e 2014. Durante esse período, as taxas de incidência de 6 a 12 cancros relacionados com a obesidade - mieloma múltiplo, colorretal, uterino, vesícula biliar, rim e pâncreas - aumentaram significativamente na faixa etária mais jovem de 25-49 anos (com o aumento mais acentuado em idades progressivamente mais jovens). Embora a incidência desses cancros também tenha aumentado nos grupos etários mais velhos, a taxa de aumento foi muito menor.

Curiosamente, a incidência da maioria dos outros tipos de cancro que não se relacionam com a obesidade não aumentou na faixa etária mais jovem, mostrando, até, alguns decréscimos, como cancros relacionados com o tabagismo, como o cancro de pulmão. Os autores observaram que o aumento nos cancros relacionados com a obesidade ocorreu juntamente com o aumento nas taxas de obesidade em jovens. Entre 1980 e 2014, a prevalência de excesso de peso / obesidade em crianças e adolescentes americanos aumentou em mais de 100%.

Os resultados deste estudo da American Cancer Society são alarmantes, embora não inteiramente surpreendentes, dado que já é conhecido o facto de a obesidade estar associada a pelo menos uma dúzia de tipos de cancro. Aliás, suspeita-se que os recentes aumentos nas taxas de obesidade em crianças e adolescentes possam afetar as taxas desses cancros, mas não havia dados claros até este estudo. 

Prevenção e controlo

Por isto, e como já falei convosco várias vezes, a prevenção e o controlo da obesidade continuam a ser uma questão urgente de saúde pública, exigindo ações individuais e sociais. Estes estudos são americanos e, obviamente, não podemos concluir de forma direta que os resultados europeus seriam iguais, mas, tendencialmente, a nossa alimentação e o estado nutricional das nossas crianças, adolescentes e jovens adultos tende a ocidentalizar cada vez mais, afastando-se dos padrões saudáveis de uma dieta mediterrânica.

Os cancros relacionados com obesidade que surgem em adultos jovens só aumentarão sua carga de doença à medida que envelhecem e correm o risco de desenvolver outras condições relacionadas com o peso, como diabetes tipo 2, doença cardiovascular e osteoartrite.

Por isto, mais uma vez reforço, ter um peso adequado não é uma questão estética! É, sempre, uma questão de saúde. Não é perder peso para o Verão, é manter um peso saudável para a vida.

Assim, esta semana, deixo-vos várias dicas para manter um peso adequado, potenciado a nossa saúde e prevenindo a doença.

Até para a semana!

Fonte: Sung H, Siegel RL, Rosenberg PS, Jemal A. As tendências emergentes do câncer entre jovens adultos nos EUA: análise do registro de câncer de base populacional. The Lancet Public Health. 2019

Para mais informações ou esclarecimentos, contacte: inesfilipamorais@gmail.com

Por Inês Morais
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Nutrição

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.