Record

Será importante o consumo de magnésio nos atletas?

Já não é novidade falar dos benefícios do magnésio para a saúde, devido ao facto deste diversas funções e reações no organismo. Contudo, ainda não é muito habitual falar do papel do magnésio na atividade física e da sua importância no desempenho e performance do atleta.

Devido aos diferentes papeis que assume no organismo, o seu défice pode resultar em importantes alterações metabólicas, muitas delas relacionadas com as respostas do organismo durante a prática de exercício físico, atuando na via anaeróbia, em atividades importantes da geração de energia e em enzimas importantes que intervêm na neoglicogénese (síntese de glicose). Para além disso também desempenha um papel importante no metabolismo das gorduras, das proteínas e da regulação da contração muscular.

Os últimos estudos têm referido o aumento da diminuição de magnésio em resposta à atividade física.

Fazendo comparações com o pré-treino, o magnésio parece ser transferido do plasma para o interior das células sanguíneas, sendo que a quantidade que o organismo irá utilizar é muito influenciada pelo grau de intensidade do treino/prova. Para além disso, a excreção de magnésio, seja pelo ou pela urina, aumenta cerca de 21% no dia da prática do exercício.

Devido ao seu papel nos processos metabólicos de produção energética, contração muscular, metabolismo proteico e ativação de aminoácidos, os estudos referem que o magnésio é um nutriente essencial para qualquer atleta. Aliás, referem que o magnésio é tão importante como as proteínas e os hidratos de carbono porque, sem ele, o organismo não conseguiria metabolizar esses nutrientes devidamente.

Existem vários estudos que referem a importância do magnésio, sendo que um deles , feito com atletas de remo que suplementaram com magnésio, teve como resultado, a apresentação de uma menor concentração de ácido láctico sérico e 10% menos captação máxima de oxigénio, o que indica benefícios na capacidade de resistência.

Outros estudos relataram que a suplementação em magnésio potenciou uma melhoria das cãimbras musculares em atletas com o magnésio sérico diminuído.

Outros ainda, demonstraram que a suplementação em magnésio pode melhorar a função muscular, principalmente quando falamos em exercício predominantemente anaeróbio.

Por todos estes motivos, pode-se concluir que o magnésio desempenha um papel muito importante no exercício físico, sendo importante fornecer ao organismo as quantidades necessárias e satisfatórias que lhe permitam desempenhar todas as funções corretamente, sem alterações metabólicas.

É sempre importante relembrar que a necessidade de suplementação deve sempre ser analisada por um nutricionista ou médico.

Até para a semana!

Fonte: BIESEK, S.; ALVES, L. A.; GUERRA, I. Estratégias de Nutrição e Suplementação no Esporte. Barueri, SP: Manole, 2005

Por Inês Morais
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Nutrição

Notícias

Notícias Mais Vistas

M