Ronaldo e os números: uma longa relação

Hat trick fora de casa em 2014 deixava o português cada vez mais perto de Raul

• Foto: Reuters

Falar de Cristiano Ronaldo torna-se mais fácil quando substituímos as palavras pelos números. É que os recordes, marcas e patamares que o português atinge são já difíceis de memorizar. E já assim o era em 2014.

Na quarta jornada da liga espanhola, o Real Madrid visitava o Deportivo na sempre complicada deslocação ao Riazor. Acontece que Ronaldo é solução para a maioria dos males das equipas por onde passa: aos 29 minutos, Cristiando abriu o livro e o marcador da partida. Era o início de uma goleada expressiva dos merengues, que acabaram por vencer por 8-1. Ronaldo, pois claro, assinou um hat trick, registando os outros dois tentos aos 41’ e 78’.

Contavam-se então 79 golos fora de casa com a assinatura de CR7. Este registo tornava-o o segundo melhor na referida condição, só atrás do mito Raul. E mesmo esse só estava a oito golos de distância.

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de O diário de CR7

Notícias

Notícias Mais Vistas